Versão mobile

Falando de Sexo

Mande suas dúvidas sobre sexo para o consultório virtual do Diário Gaúcho. As perguntas serão respondidas pela psicólogas Lúcia Pesca e Andréa Alves. Seu anonimato está garantido.
O novo perfil da coluna tem um enfoque mais voltado para as questões sexuais, afetivas, psicológicas e de relacionamento do que médicas. Somos psicólogas sexóloga e especialista em casal e família. Eventualmente convidaremos alguns profissionais para responder algumas questões da área médica. Portanto, nem sempre poderemos responder de forma imediata as questões relativas a estas áreas.

Ver todas as categorias

Sobre a vagina (26 perguntas)

Sobre a vaginaNamoro há anos, e minha parceira sempre tem uma dor na hora da penetração. Após fazer a penetração precisamos esperar um pouquinho para passar a dor, depois não doi mais. O que pode ser?Enviado em 13/03/2012

A dor na penetração pode estar associada a várias alternativas. A primeira deve ser descartada com uma avaliação do ginecologista, após isso vamos ver se vocês estão investindo nas preliminares antes da penetração. A mulher precisa estar bem excitada, lubrificada e de preferência ter gozado no sexo oral ou na masturbação antes do homem penetrá-la. Se ela tem dificuldades e dor na hora da penetração mesmo assim você precisa utilizar um lubrificante a base de água para auxilia-lo e inicialmente introduzir seus dedos lentamente para depois tentar o penis. Se com tudo isso persistir o problema sugerimos que vocês procurem uma Terapeuta Sexual. Tentem e qualquer coisa voltem a nos questionar. Boa sorte.

topo
Sobre a vaginaQuando eu tenho relações sexuais e depois quando eu vou ao banheiro sinto que arde um pouco na hora de fazer xixi, isso é normal? É normal que a vagina fique um pouco dolorida uns 2 dias depois?Enviado em 13/03/2012

Algumas alternativas para você pensar sobre seu desconforto após o sexo:

Quando uma mulher fica muito tempo sem sexo e o gaz de forma mais intensa isto pode acontecer, mas não com sexo frequente; certos medicamentos, incluindo pílulas anticoncepcionais, podem causar secura vaginal; quem sabe prolongar as preliminares até que você esteja bem lubrificado e usar lubrificante para aliviar o atrito durante a penetração? Certos produtos pessoais, como spray feminino ou duchas, podem também causar a sensação de queimação também é possível, embora não muito provável, que a ejaculação de seu namorado está irritando a mucosa de sua vaginal. Para testar use camisinha nas próximas relações e veja se a dor pára. Se nenhuma das sugestões acima funcionar procure seu ginecologista.

topo
Sobre a vaginaEu tenho uma dúvida referente a lubrificação que a vagina libera quando excitada. Às vezes, dependendo da forma que meu namorado me beja ou me abraça, sai este liquido, gostaria de saber se é normal e se tem como controlar???ObrigadaEnviado em 19/05/2011

Este liquido é lubrificação e a expressão da sua excitação e entusiasmos pelos carinhos recebidos. “Controlar”?!?!??? Isso é incomodo para você. És privilegiada e queres acabar com essa virtude? Isto mostra o como e quanto tens facilidade para ter libido, te excitar, lubrificar, se entregar aos prazeres sexuais. Agora controlar isso, cara amiga, só não se entregando e enrrigecendo. Será que vale a pena?

topo
Sobre a vaginaOlá, a minha namorada, quando eu vou penetrar, não sinto apertar muito e quando ela fica de quatro, que é a pose que ela mais gosta para ter orgasmo, não sinto muito a parede vaginal, será que isso decorre da mulher que já teve uma vida sexual muito ativa e ela ficou "um pouco dilatada" ou é verdade que, quando está mui excitada, a vagina se dilata? Ela tem 30 anos, nenhum filho e adora o meu pênis e diz que o tamanho está ótimo pra ela e que não acha ele pequeno, o carinha mede 12cm, só. aguardo a resposta! agradeço pela atenção!Enviado em 05/05/2011

Marco, essa duvida é da maioria dos homens que transam com mulheres que tem os músculos da vagina mais flácidos. A vagina é cheio de músculos, e eles podem ficar muito soltos, se a mulher não é o tipo de pessoa que faz muito exercício físico. O sexo não é a única maneira deles se exercitarem são poucas mulheres que cuidam de ter uma vagina apertada com bom controle muscular. As mulheres modernas de hoje estão começando a cuidar mais disso com movimentos básicos, como de cócoras e de joelhos. A vagina da mulher não muda permanentemente devido a atividades sexuais penetrantes.

Quando as mulheres estão excitadas o canal da vagina fica lubrificado, relaxa e o colo do útero é empurrado para cima para criar mais espaço. Isso não indica que ela teve uma vida sexual intensa. A forma da vagina é diferente em cada uma das mulheres devido à tipos anatômicos diferentes. A profundidade da vagina tem uma média de 12cm e não muda em função da sua vida sexual. Se ela é “apertada” isso também pode estar indicando que ela não está totalmente excitada ou pronta para a penetração. Exercitar a vagina com os exercícios de contrações vaginais podem ajudar a estimular e treinar as paredes da vagina e também melhoram o prazer do sexo durante a relação.

topo
Sobre a vaginaNa minha primeira relação sexual doeu e sangrou durante alguns dias. Quando o meu namorado me mastuba ainda sangra , isso é normal?Enviado em 25/04/2011

Não deveria estar mais sangrando a não ser que você tenha um himem complacente ou você não esteja se lubrificando e no toque pode com a fricção estar fazendo alguma fissura. Seria interessante inicialmente usarem um gel lubrificante para ver se mesmo assim continua sangrando caso contraria buscar um ginecologista.

topo
Sobre a vaginaO que acontece quando você transa com uma mulher menstruada e sem camisinha?Enviado em 25/04/2011

Exatamente o mesmo de quando você transa com uma mulher não menstruada e sem camisinha, ou seja, se você não tem intimidade com esta mulher e resolveu não usar preservativo está correndo riscos de contrais qualquer doença sexualmente transmissível. A única vantagem é que não corre o risco de engravidar, mas acho que não vale a pena testar.

topo
Sobre a vaginaOlá, quando meu namorado e eu transamos depois para mim urinar é difícil ou tenho que esperar algumas horas,pois,a minha urina arde bastante ficando com um cheiro estranho e teve uma vez que sangrou e não era menstruação. O que é isso e o que devo fazer?Enviado em 31/03/2011

Algumas mulheres após a relação sexual podem desenvolver problemas urológico. Se isto acontece com freqüência você deve conversar com seu ginecologista para fazer um tratamento preventivo para infecção urinária. O que não pode é você associar a relação sexual a dor e desprazer porque senão isso fará com que vocês se afastem. Sexo é prazer.

topo
Sobre a vagina. Sinto ar na minha vagina durante e após a transa. O que fazer?isso é normal?Enviado em 31/03/2011

Esses barulhos acontecem pelo acúmulo de ar na vagina. Dependendo da posição há uma entrada maior de ar e quando ocorre a penetração acontece um barulho parecido com o um "pum". Dependendo da velocidade e da pressão da penetração, o barulho produzido pode variar de intensidade. Apesar dos barulhos vaginais estarem diretamente ligados à posição sexual, algumas mulheres tem maior tendência a produzir os sons. Algumas posições durante a relação sexual favorecem a maior entrada de ar na vagina, então quanto mais "aberta" a vagina, as chances de fazer barulho são maiores. Alguns "malabarismos" podem facilitar esses barulhos. Posições em que o casal fica mais distante, onde o pênis tem grandes chances de sair por completo da vagina, como a posição de quatro e a mulher por cima do homem, são as mais propícias a produzir os barulhos.

topo
Sobre a vaginaNamoro a quase 10 meses e fiz sexo pela 1ª vez com minha namorada, mas ela nao era mais virgem.. eu acho né?! porque ela fez tudo normal e parecia ter experiencia. Apenas sentiu dores no começo e depois foi tudo bem. A camisinha estourou e eu nao cheguei a ejacular pois transamos bem pouco, por pouco tempo mesmo, e não quis mais continuar sem camisinha. Qundo foi depois ela me disse que a calcinha estava melada de sangue. O que aconteceu? E será que tem perigo de gravidez?Enviado em 26/01/2011

Bem Clovis, o fato de ela ter feito tudo normal não quer dizer que ela já tenha transado antes! Basta estar bem informado! Além do mais tem a questão instintiva e tudo que nestes dez meses vocês foram descobrindo juntos. Que bom que você não quis continuar sem camisinha, pois o risco de gravidez aí seria grande. Como vocês pararam logo e tu não ejaculasses o risco é pequeno. O sangue na calcinha dela provavelmente pode ter sido do rompimento do hímen. O melhor é sua namorada consultar um ginecologista para ver o melhor método contraceptivo para ela.

topo
Total de 3 páginas

Conheça quem responde às suas perguntas

  • Lúcia Pesca
    Lúcia Pesca

    LÚCIA PESCA, 52 anos, é psicóloga formada pela PUCRS em 1982. Psicoterapeuta individual e de casal, foi uma das pioneiras no tratamento da sexualidade em Porto Alegre. Especialista em Terapia Sexual pelo CESEX e Educação Sexual pela Sociedade Brasileira de Estudos em Sexualidade Humana, atualmente é Coordenadora do Comitê de Sexualidade da Sociedade de Psicologia do Rio Grande do Sul.

  • Andréa Alves
    Andréa Alves

    ANDRÉA PHILBERT ALVES tem 45 anos e é psicóloga formada pela PUCRS em 1990. Psicoterapeuta individual, de adolescentes, casal e família, é coordenadora do Comitê de Psicoterapia de Casal e Família da Sociedade de Psicologia do Rio Grande do Sul. É membro do corpo clínico do DOMUS (Centro de Terapia de Casal e Família), onde ministra seminários, e integra a Associação Gaúcha de Terapia Familiar.

Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros