Pagou, mas ainda não recebeu o documento do IPVA 2017? Saiba o que fazer - Informações sobre finanças, guias e outras utilidades no Diário Gaúcho

Olho na blitz10/05/2017 | 18h05Atualizada em 10/05/2017 | 18h05

Pagou, mas ainda não recebeu o documento do IPVA 2017? Saiba o que fazer

Prazo para circular com o documento de 2016 varia conforme o final da placa do veículo e termina para todos em 31 de julho.  

Pagou, mas ainda não recebeu o documento do IPVA 2017? Saiba o que fazer Lauro Alves/Agencia RBS
Foto: Lauro Alves / Agencia RBS

O Detran/RS já começou a alertar: veículos com placas terminando em 1, 2 e 3, sem o Certificado de Registro e de Licenciamento do Veículo (CRLV)  2017, já podem ser barrados e recolhidos. Com a antecipação do calendário do IPVA desde o ano passado, o prazo de pagamento do imposto não coincide com o de licenciamento do veículo. 

Enquanto o IPVA venceu para todas as placas no final de abril, a validade do licenciamento varia conforme a placa: 30 de abril foi o limite para os finais 1, 2 e 3. No próximo dia 31, será sinal vermelho para as placas que terminam com 4, 5 ou 6. As demais numerações têm limites terminando em 30 de junho e 31 de julho. Veículos com placas terminando em 1, 2 ou 3 circulando sem o documento de 2017, portanto, já podem ser barrados e recolhidos.

Site do Detran

Para receber o CRLV 2017, o proprietário deve quitar, além do IPVA, o seguro obrigatório (DPVAT), a taxa de expedição do CRLV e, se for o caso, as multas vencidas. Caso tudo isso já esteja pago, mas o proprietário do carro ainda não recebeu o documento, deve verificar se há algum processo pendente. É possível consultar a situação do veículo no site do Detran/RS, com a placa e o número do Renavam. 

No caso de estar tudo certinho e o prazo para circular com a placa já venceu, é possível solicitar o Documento de Circulação Provisório (DCPPO) em qualquer Centro de Registro de Veículos Automotores (CRVA). A validade é de 15 dias e autoriza circular somente no Rio Grande do Sul. 

Veja como retirar o documento provisório de circulação:

- Documento sai na hora e custa R$ 9.
- Pode ser solicitado em qualquer CRVA do Rio Grande do Sul.
- Somente será emitido quando não existir impedimento para a emissão do CRLV e este já tiver sido solicitado.
- Será impresso mediante requerimento formal do proprietário do veículo, do arrendatário ou do representante.
- Terá validade de 15 dias e somente no Estado do Rio Grande do Sul.

Datas limite para dirigir com o documento de 2016:

- Veículos com placas nos finais 1, 2 e 3: já podem ser autuados e recolhidos
- Veículos com placas nos finais 4, 5 e 6: podem circular até 31 de maio
- Veículos com placas nos finais 7 e 8: podem circular até 30 de junho
- Veículos com placas nos finais 9 e 0: podem circular até 31 de julho

O que acontece se você for pego com documento vencido:

- Veículo é recolhido imediatamente.
- Infração gravíssima, com sete pontos na CNH e multa de R$ 293,47.
- Despesas de guincho e depósito do veículo por conta do proprietário.

Outras dúvidas

- Ligue para o Disque Detran no telefone 0800-5103311.
- Se estiver ligando de celular ou de fora do Estado, (51) 3288-2000.
- Também pode encaminhar mensagem pelo site do Detran.


 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros