Saiba como baixar o consumo de combustível em até 40% - Informações sobre finanças, guias e outras utilidades no Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Seu bolso20/12/2017 | 14h33Atualizada em 20/12/2017 | 14h38

Saiba como baixar o consumo de combustível em até 40%

Checar itens como velas, pneus e filtros pode reduzir o valor gasto na hora de abastecer o carro

Saiba como baixar o consumo de combustível em até 40% Porthus Junior/Agencia RBS
Foto: Porthus Junior / Agencia RBS

Com o preço médio da gasolina ultrapassando a faixa dos R$ 4 nos 19 municípios do Rio Grande do Sul pesquisados pela  Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), encher o tanque é uma tarefa cada vez mais pesada para o consumidor. Mas existem formas de economizar no consumo de combustível sem a necessidade de grandes adaptações no carro ou na forma de conduzir.

Para reduzir os gastos mensais com abastecimento em até 40%, basta que sejam colocadas em prática algumas medidas simples na direção e na manutenção dos veículos. Confira algumas dicas abaixo.


Cuidados com o carro


Velas

- Estão entre os itens que mais influenciam no consumo. Precisam ser trocadas com a quilometragem recomendada pela montadora, que varia de modelo para modelo. Se as velas estão ruins, a queima de combustível fica irregular, o que reflete diretamente no aumento do combustível injetado.

Calibragem de pneus

- Pneus murchos ou com a calibragem errada fazem o carro consumir mais combustível. A calibragem deve ser feita, no máximo, a cada 15 dias, seguindo as orientações das montadoras para pressão, que é diferente para traseira e dianteira e se o veículo está carregado ou não. Os pneus podem ser responsáveis por até 20% do consumo.

Peso

- Um carro mais pesado precisa de maior aceleração para se movimentar. Quanto mais carregado, mais o veículo consome. Por isso, é fundamental observar o peso máximo recomendado. Estudos mostram que 40 quilos de excesso de peso aumentam o consumo em até 2%. Revise os objetos inúteis deixados no porta-malas.

 Troca de marcha

- A troca de marcha faz muita diferença. Os veículos trazem, no manual, a velocidade certa para a mudança. Um carro a 40 km/h não pode estar em quinta marcha, por exemplo. O uso do câmbio deve ser suave.

Ar-condicionado e filtros

- O ar-condicionado aumenta, em média, 20% o consumo do veículo. Os filtros de ar e combustível precisam ser trocados nas datas previstas pelas montadoras. Em caso de entupimento, eles interferem na mistura de ar e combustível na câmara de combustão, o que faz o veículo gastar mais.


 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
 
 

Veja também

 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros