Trabalhadores têm menos de 10 dias para sacar abono salarial de 2015: saiba se você tem direito ao benefício - Informações sobre finanças, guias e outras utilidades no Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Grana extra20/12/2017 | 11h27

Trabalhadores têm menos de 10 dias para sacar abono salarial de 2015: saiba se você tem direito ao benefício

Governo afirma que prazo, que termina em 28 de dezembro, não será prorrogado

Trabalhadores têm menos de 10 dias para sacar abono salarial de 2015: saiba se você tem direito ao benefício jean pimentel/Agencia RBS
Na Região Sul, valor disponível é de R$ 176.812.294,27 Foto: jean pimentel / Agencia RBS
GaúchaZH
GaúchaZH

Os trabalhadores com direito ao abono salarial ano-base 2015 têm menos de 10 dias para sacar o benefício nas agências bancárias. O prazo termina no dia 28 de dezembro e, segundo o governo, não haverá nova prorrogação. Cerca de 1,4 milhão inscritos no PIS e no Pasep não haviam sacado o dinheiro até o final de novembro. O valor disponível soma R$ 979,54 milhões. O Sudeste acumula quase metade desse recurso, com R$ 521,15 milhões. Na Região Sul, o valor disponível soma R$ 176.812.294,27.

Para ter direito ao abono, o trabalhador precisa ter tido vínculo formal a uma empresa ou órgão público por pelo menos 30 dias em 2015, remuneração média de até dois salários mínimos no período trabalhado, inscrição no PIS há pelo menos cinco anos e ter seus dados informados corretamente pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (Rais).

O ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, alerta para o encerramento do prazo:

- Ainda tem o feriado do Natal na agenda bancária. Portanto, quem ainda não viu se tem direito, procure os bancos ou ligue para o telefone 158 do Ministério do Trabalho. Se informe e, se tiver direito ao benefício, não deixe de sacar.

O chefe de divisão do Abono Salarial do Ministério do Trabalho, Márcio Ubiratan, explica que o valor que cada trabalhador tem para receber é proporcional à quantidade de meses trabalhados formalmente em 2015. Quem se encaixa nos critérios e teve vínculo o ano todo recebe o valor na íntegra. Quem trabalhou um mês, por exemplo, recebe 1/12 do valor e, assim, sucessivamente. Os pagamentos variam de R$ 79 a R$ 937.   

Os trabalhadores da iniciativa privada, que são vinculados ao PIS, sacam o dinheiro nas agências da Caixa ou em lotéricas de todo o país. Já os servidores públicos, com vínculo no Pasep, retiram o benefício no Banco do Brasil.

Como saber se você tem direito


Alô Trabalho

- É o serviço de informações do Ministério do Trabalho. 

- Atende pelo número 158. 

- As ligações são gratuitas de telefone fixo em todo o país.


Caixa

- A Caixa fornece a informação aos beneficiários do PIS pelo telefone 0800-7260207 ou pessoalmente nas agências.


Banco do Brasil

- O Banco do Brasil atende os beneficiários do Pasep no número 0800-7290001 ou pessoalmente nas agências.

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros