Cerveja está mais barata neste Natal; calculadora mostra o quanto comprar para as festas - Informações sobre finanças, guias e outras utilidades no Diário Gaúcho

Versão mobile

 

Ficou mais barata05/12/2018 | 07h00Atualizada em 05/12/2018 | 07h00

Cerveja está mais barata neste Natal; calculadora mostra o quanto comprar para as festas

A boa notícia aos cervejeiros é que o valor da garrafa de 600ml caiu em relação ao ano passado

Já sob o quentume do verão, as festas de final de ano costumam ser convidativas a serem brindadas com gelados e cristalinos copos de cerveja. Neste ano, a boa notícia aos cervejeiros é que o valor da garrafa de 600ml caiu 3,7% em relação ao ano passado: o preço médio das marcas mais populares está em R$ 4,16, e não mais R$ 4,32 como em novembro do ano passado, conforme pesquisa do IEPE/UFRGS encomendada pela Associação Gaúcha de Supermercados (Agas). 

Explica o presidente da entidade, Antônio Cesa Longo, que essa queda se deve à chegada de novas marcas artesanais aos supermercados, que obrigam as grandes fabricantes a baixarem seus preços para se manter competitivas. Não à toa, as vendas para o Natal devem subir 4,8% em relação à mesma data no ano passado, acima dos espumantes (3%). 

Leia mais
Veja as quatro vencedoras da Copa da Cerveja em Porto Alegre
Especialistas dão 10 dicas para economizar no supermercado
Dicas para economizar combustível

Como uma garrafa passa longe de matar a sede dos convidados, o estoque precisa ser farto. E o anfitrião que não planejar bem a compra corre risco de acordar com dor de cabeça no dia seguinte — não da ressaca, mas da culpa em ter gastado mais que o necessário. Planejar a compra de bebida para festanças é um baita desafio. Se comprar pouco, há risco do vexame diante dos convidados. Se comprar muito, pilhas de latas e engradados serão uma lembrança do dinheiro desperdiçado. 

— Não adianta imaginar quanto cada um irá beber e sair comprando. O certo é conversar com cada convidado, saber se ele vai tomar cerveja, espumante ou se vai ficar só no refrigerante. E então fazer uma lista exatamente do que comprar — explica o consultor financeiro Alfredo Meneghetti Neto, professor de Economia da PUC-RS.

O cálculo básico para uma festa de três horas é que um bebedor exclusivo de cerveja consumirá aproximadamente um litro e meio — ou seja, quatro latinhas ou long necks ou pouco mais de duas garrafas de 600ml. Se beber também refrigerante, a quantidade cai pela metade. 

Em festas com garçom, ou que algum convidado se disponha a servir os demais, as garrafas 600ml são a melhor pedida, pois, além de ter melhor custo-benefício no supermercado, são servidas nos copos, reduzindo o desperdício.

— Se a festa for self-service (ou seja, cada um pega o que vai tomar), deixar a cerveja em um isopor com gelo pode dar mais praticidade e manter a cerveja mais gelada, evitando que alguém abra a latinha e não tome porque está quente — explica a organizadora de festas Juliana Olsen.

Não estranhe que a matéria não esteja falando em latões. Estes costumam ser mau negócio para festas: esquentam rápido e são abandonados pela metade nas mesas. Latinhas são indicadas por que podem boiar em baldes de gelo no salão e serem consumidas aos poucos, na dose certa de cada sede. Já as long neck têm a vantagem de manter o precioso elixir resfriado por mais tempo. 

— A long neck também gela mais rápido, então a gente economiza para resfriar — ensina o representante comercial Paulo Ribeiro, 60 anos, muitos deles maturados pela experiência de organizar festas na família e no condomínio.

Neste Natal, 15 familiares vão fazer a ceia na casa dele e da esposa. Para garantir o estoque de bebidas — a patroa compra os comes —, desde já está bisbilhotando preços e comprando cervejas e espumantes.

— Na turma do Natal, só quatro bebem; mas beeeebem — brinca.

 PORTO ALEGRE, RS, BRASIL, 04/12/2018 - Preço da cerveja. (FOTOGRAFO: LAURO ALVES / AGENCIA RBS)
Paulo Ribeiro prefere as long necks por que gelam mais rápidoFoto: Lauro Alves / Agencia RBS


Dicas para economizar na compra da cerveja

  • Ao pesquisar os preços no supermercado, compare o valor proporcional por litro (informação que deve constar na etiqueta de preços), para evitar ser iludido por um falso preço baixo em garrafinhas menores.
  • A vantagem de long necks e latinhas em relação aos latões é que reduzem o risco de desperdício, pois dificilmente os convidados deixam esquentar depois de aberto. 
  • O preço de atacado pode ser mais vantajoso para quem compra em grande quantidade. Se a festa for consumir mais de cinco fardos de cerveja, pode valer a pena pesquisar em mercados do tipo atacarejo. 
  • Procure descontos para determinadas marcas ou a partir do segundo "pack", que são tradicionais em supermercados. Fique atento às propagandas veiculadas em encartes de jornais. Mas confira sempre a validade da cerveja. 
  • Procure mercados que ofereçam descontos para compra de cervejas em garrafas retornáveis. 
  • Usar isopor para gelar a cerveja costuma ser mais eficiente e barato do que mantê-las na potência máxima da geladeira.



 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros