Mais de 1,8 milhão de trabalhadores ainda não sacaram o Abono Salarial 2015: veja se você tem direito - Espaço do Trabalhador - Notícias - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Pis/Pasep05/06/2017 | 13h45Atualizada em 06/06/2017 | 10h33

Mais de 1,8 milhão de trabalhadores ainda não sacaram o Abono Salarial 2015: veja se você tem direito

Prazo termina no dia 30 de junho.

Mais de 1,8 milhão de trabalhadores ainda não sacaram o Abono Salarial 2015: veja se você tem direito Genaro Joner/Agencia RBS
Foto: Genaro Joner / Agencia RBS

O prazo para o saque do Abono Salarial ano-base 2015 termina no dia 30 de junho. Conforme o Ministério do Trabalho, até esta segunda-feira (5), mais de 1,8 milhão de trabalhadores ainda não haviam retirado o benefício. O número representa 7,58% dos 24,2 milhões de pessoas com direito ao saque e equivale a R$ 1,2 bilhão que ainda não foram retirados. 

Leia mais
Trabalhadores receberão parte dos lucros do FGTS; saiba se você terá direito
Como agir se o banco bloquear dinheiro das contas inativas do FGTS

Para consultar se tem direito ao saque, os trabalhadores podem fazer a consulta no site do Ministério do Trabalho. Basta acessar a opção Abono Salarial e clicar em Consulta Abono Salarial. É preciso informar o número de CPF ou do PIS e a data de nascimento. 

Quem tem direito

O Abono Salarial 2015 está sendo pago a quem trabalhou com carteira assinada por pelo menos 30 dias no ano-base e teve remuneração média de até dois salários mínimos. Para retirar o dinheiro, o trabalhador deve estar inscrito no PIS/PASEP há pelo menos cinco anos e a empresa deve ter informado seus dados corretamente na Relação Anual de Informação Social (RAIS).

Onde retirar 

O benefício está disponível na Caixa Federal e no Banco do Brasil. A Caixa paga os trabalhadores da iniciativa privada, vinculados ao PIS. Quem tem o Cartão do Cidadão e registrou senha pode retirar o benefício em caixas eletrônicos e casas lotéricas. Quem ainda não tem o cartão deve se dirigir a uma agência da Caixa. O Banco do Brasil paga os servidores públicos, vinculados ao PASEP. 

Se o trabalhador atende aos critérios, mas seu nome não consta entre os que podem fazer o saque, ele deve verificar se o crédito foi feito diretamente na conta. Se ainda tiver dúvidas, pode ligar para o telefone 158 ou ir aos Postos da Superintendência Regional do Trabalho, além das agências da Caixa e do Banco do Brasil. 

Valores

Os pagamentos do Abono Salarial Ano-Base 2015 variam de R$ 78 a R$ 937. No total, já foram liberados R$ 15,7 bilhões. A partir deste ano-base, o abono passou a ser pago proporcionalmente aos meses trabalhados. Ou seja, quem trabalhou durante todo o ano de 2015 tem direito a um salário mínimo (R$ 937). Já quem trabalhou apenas um mês receberá o equivalente a 1/12 do salário mínimo, e assim sucessivamente. A fração igual ou superior a 15 dias de trabalho será contada como mês integral.


 

Vídeos recomendados para você

 
 
 

Siga o Diário Gaúcho no Twitter

  • maumaumendonca

    maumaumendonca

    Mauricio MendonçaRT @maumaumendonca: Uma pergunta : @zh_esportes @diariopopularRS @diario_gaucho Por que parou as obras no estádio do @GEBrasilOficial ?há 4 minutosRetweet
  • FabrcioD

    FabrcioD

    Fabrício Dias@diario_gaucho Com Nico na direita e Winck estará declarada a avenida livre de acesso ao gol do Internacional.há 1 horaRetweet
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros