Senha do Meu INSS fica mais fácil - Espaço do Trabalhador - Notícias

Versão mobile

 

Informações pela internet14/05/2018 | 11h46Atualizada em 14/05/2018 | 11h46

Senha do Meu INSS fica mais fácil

Caractere especial não é mais necessário para cadastro na ferramenta do Instituto Nacional do Seguro Social

Senha do Meu INSS fica mais fácil /
Central de serviços Meu INSS

O governo facilitou o acesso à central de serviços Meu INSS, lançada em 2017. Agora, não é mais preciso usar um caractere especial (&*¨%$#@) na hora de fazer a senha. Basta usar nove dígitos e entre eles ter, pelo menos, uma letra maiúscula, outra minúscula e um número. A ideia é ajudar o segurado a se lembrar da senha nos próximos acessos.

Segundo o governo, o Meu INSS tem mais de 7 milhões de usuários cadastrados. Pela ferramenta, o cidadão pode acompanhar o andamento do seu pedido, consultar extratos e acessar outros serviços do INSS. O aplicativo também está disponível para smartphones.

Desde o início deste ano, os botões Salário Maternidade e Aposentadoria por Idade entraram no Meu INSS. Na solicitação do benefício, é realizada uma busca para saber se já pode ser concedido automaticamente. Se não for possível, o sistema irá direcionar o cidadão para agendar atendimento presencial.

A Simulação do Tempo de Contribuição (popularmente conhecida como calculadora do INSS) também entrou no Meu INSS este ano. A ferramenta calcula quanto tempo falta para se aposentar por meio de uma busca automática das informações do segurado nos sistemas do INSS.

Tenha os documentos em mãos

Ao fazer o cadastro, é bom ter em mãos documentos e Carteira de Trabalho, pois algumas perguntas são realizadas para conferir a identidade do usuário tais como datas de recebimento de benefícios ou de realização de contribuições, nomes de empresas onde trabalhou e valores recebidos.

Se errar mais de uma pergunta, o segurado pode aguardar 24 horas para tentar novamente ou ligar para o 135 e, em último caso, ir à agência do INSS.

A senha de acesso ao Meu INSS também pode ser conseguida diretamente em agências bancárias. Itaú, Banco do Brasil e Banco Mercantil já oferecem a possibilidade a seus clientes, por meio do menu Previdência. Em breve, outras instituições também devem disponibilizar o serviço.


 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros