Temporal danifica casas e deixa ruas alagadas na Região Metropolitana - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Abaixo de mau tempo15/10/2015 | 10h39Atualizada em 15/10/2015 | 16h22

Temporal danifica casas e deixa ruas alagadas na Região Metropolitana

Os municípios de Canoas, Sapucaia do Sul e Gravataí são os mais prejudicados

Temporal danifica casas e deixa ruas alagadas na Região Metropolitana Ronaldo Bernardi/Agencia RBS
Em Canoas, a altura da água chega a cobrir as rodas de veículos Foto: Ronaldo Bernardi / Agencia RBS

Os temporais que atingem todo o Rio Grande do Sul desde a noite desta quarta-feira deixou casas danificadas e ruas alagadas na Região Metropolitana. Os municípios mais prejudicados foram Canoas, Sapucaia do Sul e Gravataí.

Em Canoas, o granizo danificou residências nos bairros Rio Branco, Fátima e Niterói, este último também é a região da cidade que registra o maior número de ruas e avenidas alagadas. A altura da água chega a cobrir as rodas de veículos.

Mortes, ventos de 134 km/h e 700 mil sem luz: o temporal no RS
Confira as ruas com bloqueios em Porto Alegre

Diversos moradores passaram a noite na rua, dentro de carros estacionados. Segundo a comunidade, o alagamento é inédito no bairro e teria sido provocado por falta de funcionamento de bombas de drenagem.

José Casper, 75 anos, e Maria Ieda Casper, 70 anos, contam que nunca passaram por uma situação assim. Na noite desta quarta, no escuro, eles tiveram que recolher seus pertences e ir para a casa da filha. Aos choros, saíram de casa com comida e um notebook em baixo do braço.

— Passamos a noite levando móveis, temendo o pior. Não dormimos. Foi horrível — disse José.

Mãe e filho pequeno morrem durante temporal em Rio Pardo
Meteorologia alerta para risco de novos temporais com ventania e granizo

Um ônibus, também no Bairro Niterói, ficou preso por uma hora em um ponto do seu trajeto devido ao alagamento da Rua Iraí. Por volta das 9h, o coletivo conseguiu seguir o itinerário. Veja:

�� Em razão do temporal, ônibus ficou preso por uma hora na Rua Iraí, no Bairro Niterói, em Canoas. A repórter Aline Custódio, do #DiarioGaucho, registrou o momento em que o coletivo conseguiu seguir seu trajeto, por volta das 9h. Confira ��

Posted by Diário Gaúcho on Quinta, 15 de outubro de 2015

Em Sapucaia do Sul, 180 moradores dos bairros Carioca e Fortuna foram abrigados em ginásios. O Hospital Getúlio Vargas sofreu danos, incluindo a queda de parte do forro, obrigando a interdição de alguns setores da instituição. Pacientes tiveram de ser transferidos para hospitais em Esteio e Tramandaí.

Fortunati pede economia de água após estação do Dmae ficar sem luz
Rio Grande do Sul tem 15 rodovias bloqueadas em função das chuvas

Em Gravataí, 700 casas foram danificadas por granizo entre os bairros Vila Rica e Vila Maria, às margens do Arroio Barnabé. Quarenta e cinco tiveram que sair de suas residências ainda na madrugada desta quinta-feira e foram levados até um salão paroquial na Vila Rica.

Maria Nedi Paim dos Santos, 43 anos, foi uma dessas pessoas. Ela mora na Vila Maria, à beira do arroio, e conta que precisou chamar o socorro para sair de casa. Além dela, o marido e quatro crianças também foram levados ao salão da igreja.

— Quebrou tudo na nossa casa, era água entrando por cima e por baixo. Quando vimos, já estávamos dentro d'água — falou.

Em Cachoeirinha, a prefeitura monitora o nível do Rio Gravataí, que já ocupa parte da Avenida Assis Brasil, e ameaça bloquear totalmente a via, que é a principal ligação entre o município e Porto Alegre.

Acompanhe a transmissão ao vivo de Zero Hora:


* Diário Gaúcho e Rádio Gaúcha

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros