Governo amplia materiais que poderão ser comprados com Construcard - Notícias - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Construção24/11/2016 | 15h49Atualizada em 24/11/2016 | 17h52

Governo amplia materiais que poderão ser comprados com Construcard

Haverá possibilidade de aquisição de aparelhos de eficiência hídrica e energética

Governo amplia materiais que poderão ser comprados com Construcard Rogerio da Silva/Agencia RBS
Foto: Rogerio da Silva / Agencia RBS

O governo Federal anunciou nesta quinta-feira novidades do cartão Construcard, linha de financiamento da Caixa destinada a pessoas físicas para construção, reforma ou ampliação de imóveis residenciais. Haverá possibilidade de aquisição de aparelhos de eficiência hídrica e energética, caso de equipamentos para sistema de reutilização de água e fossas ecológicas, e equipamentos para segurança residencial.

Leia mais
BC lança desafio à saúde do dragão
BC começa a abrir torniquete do juro com cautela
Volta das apostas divergentes para corte do juro básico é boa notícia

A linha de crédito de R$ 7 bilhões de orçamento e espera beneficiar mais de 2 milhões de pessoas. O cartão pode ser usado na compra de qualquer tipo de material de construção, do básico ao acabamento, desde que em loja autorizada pela Caixa.

O governo ja havia apresentado o Cartão Reforma, linha de financiamento de até R$ 5 mil para a reforma de casas. No Construcard, as pessoas terão seis meses para fazer compras. Confirma as regras e as novidades. 

NOVIDADES:
– O cliente agora recebe o Construcard no momento da contratação do financiamento, feito nas agências da Caixa, e já pode realizar suas compras.
– Será possível baixar em seu telefone um aplicativo para consultas e realização de bloqueio e desbloqueio do cartão.
– O cliente recebe mensagens SMS com informações sobre as compras e o seu saldo disponível.
– O Construcard passa ser usado para aquisição de aparelhos de eficiência hídrica e energética, equipamentos para sistemas de reutilização de água, fossas ecológicas, aquecedores solares, aerogeradores, equipamentos de energia fotovoltaica e de segurança residencial.
– Foi anunciado um convênio entre a Caixa e a Associação Nacional de Lojistas de Material de Construção (Anamaco) para ampliar de 60 mil para 80 mil a rede de lojas parceiras no país.

AS REGRAS
– Para obter o Construcard são necessários alguns pré-requisitos: ser pessoa física maior de 18 anos, ter conta na Caixa e ser aprovado nas avaliações de cadastro e de risco de crédito. 
– Após contratar o financiamento, o beneficiário receberá um cartão e terá até seis meses para fazer as compras. 
– A amortização pode ser feita em até 238 meses, seguindo a Tabela Price, a uma taxa de 2,5% de juros. Só são cobrados juros em cima dos valores utilizados, e as prestações são debitadas direto na conta corrente.
– O limite varia de acordo com a capacidade de pagamento do cliente, não havendo valor máximo. O valor médio dos financiamentos é de R$ 14 mil
– O financiamento pode ser contratado em qualquer agência da Caixa. Já estão pré-aprovados limites de crédito para mais de 400 mil clientes. Novos limites serão aprovados mediante demanda dos clientes interessados. 
– Diferentemente do Cartão Reforma, para acessar esse crédito o beneficiário não depende de autorização de autoridades municipais ou do Ministério das Cidades. Basta ao interessado ir a uma agência da Caixa. 

 
 
 

Siga o Diário Gaúcho no Twitter

  • acervo_multi

    acervo_multi

    Acervo Multimídia@amanda1araujo1 Diário Gaúcho - Camila Pitanga VENCEU: https://t.co/NbySFcTSfUhá 2 minutosRetweet
  • acervo_multi

    acervo_multi

    Acervo Multimídia@TeAmoPitanga Diário Gaúcho - Camila Pitanga VENCEU: https://t.co/NbySFcTSfUhá 3 minutosRetweet
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros