Calendário para saques de contas inativas do FGTS divulgado nas redes sociais é falso, alerta Caixa - Notícias - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

ZH Esclarece02/02/2017 | 11h00Atualizada em 06/02/2017 | 13h57

Calendário para saques de contas inativas do FGTS divulgado nas redes sociais é falso, alerta Caixa

Banco teria pedido para que conteúdos fossem excluídos, para não confundir os beneficiários

Um calendário para saques das contas inativas do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) que começou a circular pelas redes sociais na quarta-feira é falso, alerta a Caixa Econômica Federal. Na manhã desta quinta-feira, a assessoria de imprensa do banco informou que o calendário oficial ainda não foi divulgado, mas que as datas serão confirmadas "ainda na primeira quinzena deste mês". 

A assessoria ainda informou que o banco teria pedido para que as postagens falsas fosse excluídas, para não confundir os beneficiários. Anunciada pelo presidente Michel Temer em dezembro, a permissão para trabalhadores sacarem recursos integrais de contas inativas deve começar a partir do dia 13 de março. Mais de 10 milhões de pessoas têm direito a retirar o dinheiro.

O benefício vale somente para contas inativas até dezembro de 2015. Segundo o Ministério do Trabalho, 18,6 milhões de contas enquadram-se neste critério. Nelas, estão depositados R$ 41,4 bilhões — a maior parte tem saldo inferior a um salário mínimo.

Como saber se você tem uma conta inativa no FGTS?

Para consultar se tem uma conta inativa no FGTS e o seu saldo, o trabalhador pode consultar o site do FGTS. Para acessar o extrato, é preciso ter em mãos o número de identificação social (PIS/Pasep), encontrado na carteira de trabalho, e uma senha, chamada Senha Cidadão, que pode ser criada no momento do acesso neste endereço.

O extrato informa os dados cadastrais e os lançamentos realizados na conta nos últimos seis meses. Saldo e extrato de contas vinculadas, inclusive as inativas, também são informados na página.

Pela internet
É possível conferir o extrato no site do FGTS. Para isso, é preciso ter cadastrada uma senha eletrônica, que pode ser criada em uma página da Caixa.

Em uma agência da Caixa
O trabalhador pode consultar seu saldo e também solicitar uma senha para acesso online em uma agência da Caixa. Para isso, é preciso levar um documento de identificação (carteira de identidade, carteira de habilitação, carteira de trabalho ou certidão civil) e o número de inscrição PIS/Pasep/NIT.

Pelo celular
Há aplicativos do FGTS disponíveis para os sistemas Android e iOS (veja como baixar). Além de ser possível acessar o site via smartphone, o contribuinte pode optar por receber mensagens no celular com informações da conta do FGTS — assim, abre mão da correspondência recebida a cada dois meses com o extrato.

Por e-mail
O cidadão pode também optar por receber o extrato do FGTS pelo e-mail, informando a preferência no mesmo site em que consulta o extrato.

Foto: Germano Rorato / Agencia RBS

* Zero Hora, com agências 

 
 
 

Siga o Diário Gaúcho no Twitter

  • diario_gaucho

    diario_gaucho

    Diário Gaúchohttps://t.co/eTs6tHUFZnhá 30 minutosRetweet
  • ANDREINTER1974

    ANDREINTER1974

    ANDREW1909🔴⚪🔴⚪🔴⚪@diario_gaucho Tem mandar a conta para os incitadores do terrorismo @LulapeloBrasil @GuilhermeBoulos… https://t.co/FVasZmunJlhá 2 horas Retweet
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros