Manoel Soares quer saber: quem é peso morto e quem é peso vivo? - Notícias - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Papo Reto18/03/2017 | 09h00Atualizada em 18/03/2017 | 09h00

Manoel Soares quer saber: quem é peso morto e quem é peso vivo?

Colunista faz reflexão importante: "50% de tudo que temos e somos é resultado de nossos atos"

Manoel Soares quer saber: quem é peso morto e quem é peso vivo?  /
Foto: /

Todos os que estão neste mundo têm peso. A questão é que uns são peso morto e outros, peso vivo. Manter na aba do chapéu uns espíritos de porco que colocam tudo o que fazemos no diminutivo é autossabotagem. Eles, geralmente, tiram a nossa luz, alegando que estão nos dando sombra. Assim, se alimentam do que temos de melhor.

Leia outras colunas do Manoel Soares

Quem faz isso, quase sempre, é alguém que amamos. Este amor nos faz pensar que abandonar peso morto é traição e, assim, ficamos reféns de quem só nos leva para o buraco. Um poeta libanês chamado Khalil Gibran disse: "A sabedoria das palavras é a sombra da sabedoria das ações".

Às vezes, temos que deixar que esses malucos que se arrastam como répteis se virem e batam cabeça. Ficamos preocupados se a pessoa vai ficar de beiço, mas, se realmente a amamos, temos que ajudar e estimular que ande com as próprias pernas. Corremos o risco de perder o carinho dessa pessoa por um momento? Sim. Por outro lado, vamos dar vida a esse peso na terra.

Não é obrigação

Agora, pensa comigo: se a figura acha que você é menos amigo porque não quer ser burro de carroça dele, será que o amigo ruim é você? A vida é muito curta para ficarmos com gente na paleta, assim como é curta para ficar na paleta dos outros. Uma verdade inconveniente é que 50% de tudo que temos e somos é resultado de nossos atos. A vida não é justa, e temos que exercitar a solidariedade. A linha que divide o solidário do otário é muito fina e, quando menos esperamos, ultrapassamos a linha sem saber. A frase do dia é: ajuda não é obrigação. Sendo assim, façamos os pesos mortos ganharem vida.


 
 
 

Siga o Diário Gaúcho no Twitter

  • McMarcinho_Ofi

    McMarcinho_Ofi

    Mc MarcinhoAlô galera daqui a pouco vai começar a Live aqui no diário gaúcho fica ligado! https://t.co/hK8tNKnpjAhá 23 minutosRetweet
  • diario_gaucho

    diario_gaucho

    Diário Gaúchohttps://t.co/EaLxAklf7Jhá 42 minutosRetweet
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros