Grupos de WhatsApp para mães e pais de alunos geram controvérsias no ambiente escolar - Notícias - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Educação05/05/2017 | 17h39Atualizada em 05/05/2017 | 17h45

Grupos de WhatsApp para mães e pais de alunos geram controvérsias no ambiente escolar

Enquanto familiares defendem o aplicativo para resolver questões cotidianas, educadores alertam que ferramenta muitas vezes é usada para espalhar fofocas e provocar intrigas

Grupos de WhatsApp para mães e pais de alunos geram controvérsias no ambiente escolar Felipe Nyland/Agencia RBS
Clarissa e Guilherme utilizam o Whats para trocar experiências com os pais dos colegas de escola do filho Eduardo, 6 Foto: Felipe Nyland / Agencia RBS

Acompanhar o desempenho dos filhos na escola já não contempla mais os rituais de a cada trimestre espiar o boletim esperando não encontrar notas vermelhas, ou abrir o caderno torcendo para não deparar com um chamado da direção para debater problemas de rendimento comportamento. 

Há pelo menos dois anos, pais e mães passaram a fazer uso do WhatsApp para formar grupos em que trocam informações sobre o cotidiano escolar dos filhos. A polêmica, como tudo que envolve relações mediadas pela internet, reside em uma palavra: limite.

A discussão reside principalmente na exposição de particularidades de crianças e educadores como o efeito colateral que resulta no desvio das pautas que originam os grupos — como avisos sobre prazos para tarefas, organização de festas ou esquemas de carona. 

Clique na imagem abaixo para ler a reportagem completa.

A polêmica entrou no grupo


 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros