Falha no sistema do Dnit impede que motoristas regularizem IPVA - Notícias - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Documento06/06/2017 | 11h59Atualizada em 06/06/2017 | 15h49

Falha no sistema do Dnit impede que motoristas regularizem IPVA

Segundo o Detran/RS, problema é comum e pode ser solucionado em bancos conveniados

Falha no sistema do Dnit impede que motoristas regularizem IPVA Divulgação/Divulgação
Foto: Divulgação / Divulgação

Correção: o local para regularização é o banco, e não o Detran. A informação incorreta permaneceu publicada entre 12h e 15h45min.

Motoristas enfrentam problemas para regularizar o Imposto Sobre a Propriedade de Veículos Automotores (IPVA) dos veículos no Rio Grande do Sul. O problema ocorre por causa de instabilidade no sistema do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit).

Leia mais
Início da quarta fase do saque das contas inativas é antecipado para sábado
Comissão do Senado vota relatório da reforma trabalhista; acompanhe

Quem foi multado, pagou a penalidade e as taxas do IPVA, por vezes, não consegue receber o documento atualizado porque, devido à falha no sistema, o Detran/RS não recebe a baixa da multa.

Segundo o Detran/RS, a instabilidade no sistema do Dnit é comum e não há previsão de solução para o problema. A orientação do Detran/RS é que motoristas que enfrentarem problemas no pagamento dos itens que compõem o licenciamento (IPVA, seguro obrigatório, taxa de emissão e multas vencidas) procurem bancos conveniados (Banrisul, Banco do Brasil, Bradesco, Itaú, Sicredi e Caixa Federal) e informem a placa do veículo e o número do Registro Nacional de Veículos Automotores (Renavam) ao caixa. Após o pagamento, o sistema informatizado gera o documento, que é entregue no endereço cadastrado no sistema do Detran/RS.

– Pode ocorrer que informações relativas a multas em rodovias federais  demorem um pouco mais para cair no sistema do Detran/RS por conta de instabilidades no sistema do DNIT, que impedem que essas informações cheguem ao Registro Nacional de Infrações de Trânsito (Renainf) e, consequentemente, estejam acessíveis ao Detran/RS. A documentação 2017 somente estará em dia quando for emitida – explica Eunice Gruman, assessora de imprensa do Detran/RS.

O Dnit confirmou a existência de instabilidade no sistema. A reportagem aguarda laudo técnico que deve mostrar a previsão de solução do órgão para este problema.

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 

Siga o Diário Gaúcho no Twitter

  • diario_gaucho

    diario_gaucho

    Diário GaúchoCinco fatores que podem decidir a semifinal entre @Gremio x Cruzeiro https://t.co/C2wi1TOUDX https://t.co/banIVPNkZMhá 5 minutosRetweet
  • diario_gaucho

    diario_gaucho

    Diário GaúchoCom renovação automática garantida, @SCInternacional planeja ampliar mais o contrato de Cláudio Winck… https://t.co/2aZzpkXAA0há 15 minutosRetweet
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros