Saiba quanto tempo você pode esperar para ser atendido em lojas de telefonia e bancos na véspera de feriado - Notícias - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Direito do Consumidor14/06/2017 | 11h15Atualizada em 14/06/2017 | 11h15

Saiba quanto tempo você pode esperar para ser atendido em lojas de telefonia e bancos na véspera de feriado

Lei municipal de Porto Alegre determina tempo máximo de espera para atendimento nas lojas de operadoras e bancos

Saiba quanto tempo você pode esperar para ser atendido em lojas de telefonia e bancos na véspera de feriado Caio Cezar/Agencia RBS
Foto: Caio Cezar / Agencia RBS

Em véspera de data comemorativa, como esta quarta-feira (14) anterior ao dia de Corpus Christi, o tempo de espera em filas nas lojas das operadoras de telefonia não pode passar de 30 minutos. Em dias normais, a espera deve ser de, no máximo, 20 minutos. O tempo é determinado por uma lei municipal de Porto Alegre. 

A empresa que descumprir este prazo pode pagar multa e ter alvará de funcionamento suspenso. 

Leia mais
Hospital de Pronto Socorro de Porto Alegre precisa de doadores de sangue
Governo do RS vai nomear 169 professores para escolas estaduais

Mais conhecida, a Lei dos Bancos limita o tempo de espera a 15 minutos em dias normais e até 20 minutos em véspera ou após feriados prolongados e em dias de pagamentos de funcionários públicos municipais, estaduais e federais.


 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros