Pente-fino do INSS: começa a convocação dos aposentados por invalidez - Notícias - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Previdência28/08/2017 | 11h38Atualizada em 28/08/2017 | 11h38

Pente-fino do INSS: começa a convocação dos aposentados por invalidez

Após recebimento da carta, segurados terão cinco dias para marcar a perícia pelo telefone 135

Pente-fino do INSS: começa a convocação dos aposentados por invalidez Diogo Sallaberry/Agencia RBS
Foto: Diogo Sallaberry / Agencia RBS

O Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) e o Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) começaram na sexta-feira passada (25) a enviar as cartas de convocação dos aposentados por invalidez. A previsão das instituições é de que as primeiras perícias médicas comecem em setembro.

Leia mais
Aposentados e pensionistas do INSS reclamam de cobrança indevida na folha de pagamento
Como se preparar para a perícia do INSS

Neste primeiro lote, foram enviadas 22.057 cartas para 25 Estados e o Distrito Federal, com exceção de Roraima. Aposentados por invalidez com menos de 60 anos e que estão com o benefício sem revisão há mais de dois anos estão sendo convocados. No total, 1 milhão de segurados serão convocados: 82.040 no Rio Grande do Sul. 

O que fazer ao receber a carta do INSS

Quem receber a carta deve entrar em contato com o INSS pelo número 135 em até cinco dias corridos (exceto domingo) e agendar a perícia. Quem não fizer o agendamento terá o benefício suspenso.

A partir da suspensão, são contados 60 dias para que se marque a perícia. Se o agendamento for feito nesse prazo, o benefício é liberado até a realização da perícia. Passados os 60 dias sem que o beneficiário se manifeste, o benefício será cessado.

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros