Magali Moraes escreve sobre o antes e o depois do feriado - Notícias - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Coluna da Maga08/09/2017 | 10h00Atualizada em 08/09/2017 | 10h00

Magali Moraes escreve sobre o antes e o depois do feriado

Magali Moraes escreve sobre o antes e o depois do feriado Miguel Neves/Divulgação
Foto: Miguel Neves / Divulgação

Na capa da gaita. Era assim que eu estava antes do feriado. Me arrastando por aí. Na contagem regressiva. Me sentindo o último farelo desmanchado da bolacha. Agora que o 7 de setembro passou, fica aquele gostinho de quero mais. E a pergunta que a gente se faz: "por que eu não nasci milionária, pra não precisar trabalhar e a vida ser um eterno feriado?" Consegui dormir um pouquinho mais, o que já significa riqueza.

Pensando bem, acho que eu não ia gostar de ser milionária. Calma que explico. Milionários não valorizam os feriados. Eles nem sabem que dia da semana é. Não precisam se preocupar com nada, o que deve ser um tédio. E tem outra. Sou agitada demais pra ser milionária. Eu ficaria nervosa com a dinheirama aplicada, os juros, as taxas, os bancos. Viu como feriado estraga a gente? Olha quanta bobagem estou pensando! Peraí que já volto. Vou ali tirar o lixo, arrumar a cama, estender uma roupa e me conectar com a realidade.

Leia outras colunas da Maga

Correria diária

Vida que segue. Só acho que o feriado podia ser um dia mais comprido que o normal, com horas extras de alegria. O que você fez ontem? Acordou cedo igual ou te jogou no travesseiro? Reuniu a família pra almoçar? Foi no parque tirar o mofo? Andou de bicicleta? Pegou um cineminha? Visitou os amigos? Curtiu os filhos e netos? Viu uma maratona de seriados? Leu um livro? Foi pra praia? Ficou mal acostumado e o dia de hoje tá com cara de segunda? Que nada!! É sexta!

Pra quem trabalhou no feriado, uma salva de palmas (dias melhores virão). Pra quem adiantou a vida e transformou o 7 de setembro em dia útil, te entendo. Pra quem não fez absolutamente nada, parabéns!! Um dia eu chego lá. Pra quem emendou e está em pleno feriadão, aproveita cada minuto! Outubro tá pertinho, daqui a pouco tem mais. E assim a gente vai levando. Cumprindo os compromissos, trabalhando bastante, resolvendo os perrengues. Mas com a expectativa pela próxima pausa.    


 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros