Magali Moraes e a importância do Outubro Rosa - Notícias - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Coluna da Maga06/10/2017 | 10h00Atualizada em 06/10/2017 | 10h00

Magali Moraes e a importância do Outubro Rosa

Magali Moraes e a importância do Outubro Rosa Miguel Neves/Divulgação
Foto: Miguel Neves / Divulgação

Esqueça o pretinho nosso de cada dia. Por enquanto, guarde as roupas brancas no armário. Dê um tempo para as cores do seu time. O tom nude nas unhas também pode mudar. Estampas são bem-vindas, desde que sigam essa dica aqui: rosa, a cor do momento. Estamos no Outubro Rosa, criado para alertar as mulheres sobre essa coisa maravilhosa que é a vida. Atenção, vitoriosas! A coluna de hoje é inspirada nas conquistas de vocês. Obrigada por nos mostrarem que é possível encarar de cabeça erguida essa batalha. 

Tem gente que sente medo até de pronunciar a palavra câncer. E prefere não ir ao médico porque acredita que "é procurando que se acha". Exatamente!! É procurando que se acha um nódulo no comecinho, faz o tratamento e fica curada. É procurando que se descobre que não era nada sério e foi só um susto. Por respeito a todas as mulheres que já sofreram esperando o resultado de um exame de mama, e que ficaram sem chão quando esse resultado deu positivo, vamos fazer a nossa parte. Prevenção tem que ser rotina.

Leia outras colunas da Maga

Autoexame

Leitores homens, ajudem a cuidar da saúde das suas esposas, namoradas, irmãs, filhas, tias, primas, sobrinhas, afilhadas e amigas. Mandem pra elas essa coluna. Aliás, câncer de mama também atinge homens. Leitoras queridas! Vamos levar a sério o Outubro Rosa. Infelizmente não é toda mulher que consegue fazer a mamografia anual. Mas não dá pra contar com a sorte. Cada hora do banho pode ser um momento de se prevenir. Na internet tem vídeos explicando como é o autoexame. 

Bonito ver aquelas luzes cor-de-rosa colorindo vários prédios da cidade à noite, né? Cada parede iluminada é um grande bilhete nos lembrando da doença e da cura. Se uma só pessoa ler essa coluna e se conscientizar, já valeu. Conheço mulheres incríveis que tornaram o câncer de mama uma página virada. Rosa é a cor da esperança, da vitória, da vida, da força do feminino. Já o medo não tem cor, tem desespero. 


 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros