Magali Moraes escreve sobre o bruxismo - Notícias - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Coluna da Maga18/10/2017 | 10h00Atualizada em 18/10/2017 | 10h00

Magali Moraes escreve sobre o bruxismo

Magali Moraes escreve sobre o bruxismo Miguel Neves/Divulgação
Foto: Miguel Neves / Divulgação

Não confunda bruxaria com bruxismo, que o último é bem pior. Poderes sobrenaturais não acontecem todo dia. Já o bruxismo te persegue noite após noite. É aquele ranger de dentes involuntário que acaba com o sono de qualquer um. E acaba com o sonho de jamais quebrar um dente. Mais cedo ou mais tarde, quem sofre de bruxismo vai trincar um molar. Desgastar é certo. Os dentes e a relação. O bate-bate vai incomodar quem dorme junto. Seremos cutucados e ouviremos a maldita frase: "tá rangendo os dentes!".

Como se a gente tivesse culpa. Culpado é o estresse, que nos faz descarregar todas as tensões na boca. O maxilar aperta até não poder mais e os dentes de cima brincam de luta livre com os de baixo. Resultado? Dor de cabeça, dor de ouvido e dentes lixados. Tem pessoas que nascem com problemas na arcada dentária. Mas a grande maioria adquire o bruxismo. Até crianças estão colocando seus dentinhos de leite pra lutar durante a noite. Sinal dos tempos. E o botox, aquele das rugas, já é aplicado pra relaxar os músculos da boca e amenizar o estrago.

Leia outras colunas da Maga

Dentada

Prefiro a minha placa de bruxismo. Quer dizer, eu preferia não usar. Tão salvadora e tão odiada. Ela é a coisa menos sexy que já inventaram! Importante escolher o momento certo de colocar a placa ao ir pra cama. Bem na hora de apagar. Se não deu beijo de boa noite, azar. Se esqueceu de contar algo, deixa pra amanhã. Ou então vai ter chuva de saliva. Não tem clima romântico que aguente uma placa de bruxismo.

E quando você dorme antes de colocar a placa? Ou sonha que levou uma dentada e acorda com a própria plaquinha cravada nas costas? Tem essa, a gente tira a placa dormindo. Agora problema mesmo é acordar sem a placa, revirar os lençóis e descobrir que ela abocanhou as costelas do marido. O que dizer numa hora dessas? "Ela também te ama, viu só!!" Placa de silicone ou rígida, escolha a sua. E proteja seu sorriso pra poder rir de si mesma.  


 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros