Magali Moraes escreve sobre a Roda de Sentimentos - Notícias - No Diário Gaúcho você encontra notícias do RS, informações de utilidade pública, muito entretenimento, além de conteúdos esportivos e jornalismo policial.

Versão mobile

Coluna da Maga06/11/2017 | 07h00Atualizada em 06/11/2017 | 07h00

 Magali Moraes escreve sobre a Roda de Sentimentos

  

A escritora e publicitária Magali Moraes é a nova colunista do Diário Gaúcho. Ela vai escrever a Coluna da Maga, todas as sextas-feiras.
Foto: Miguel Neves / Divulgação

Adoro essas amigas cheias de assuntos interessantes. Na mesma hora, dá vontade de escrever uma coluna e te contar tudo. O que a Lúcia me falou pode ser útil pra ti. Ela conheceu a Roda de Sentimentos num curso. Vai dizer que não é legal aumentar o vocabulário aprendendo palavras novas? Com os sentimentos é igual. De modo geral, somos muito básicos na hora de identificar o que estamos sentindo. Temos pouco repertório de sentimentos. E acabamos resumindo o que passa lá na alma de um jeito simplório: tô alegre, tô triste, tô mal, tô bem. 

Em vez de sentimentos, pense nas cores. Que limitado seria se a gente tivesse apenas as cores primárias pra descrever toda a lindeza do mundo. Só usar vermelho, azul e amarelo pra nomear as cores de tantas flores, frutas, paisagens, montanhas. Como descrever um pôr do sol que nunca é igual ao outro? Impossível. Se até o cinza pode ter 50 tons, imagine as emoções. Por isso inventaram a Roda dos Sentimentos. Pra nos ajudar a descrever com mais clareza o que sentimos.  

Bom exemplo

As crianças aprendem a pintar bem colorido desde pequenas. Imagina se também aprendessem os nomes certos e os significados de cada sentimento. Iriam se tornar adultos que sabem lidar melhor com suas emoções. Será que a raiva que o filho está sentindo é raiva mesmo? Ou é insegurança? Frustração? Medo? Os pais podem ajudar, como sempre. Quando a gente aumenta o próprio vocabulário de emoções, consegue dar um bom exemplo e não confunde a cabeça deles. 

Até os livros de negócios falam sobre a importância das emoções pra ter sucesso profissional. Uma habilidade técnica qualquer um pode aprender. Agora controlar as emoções no ambiente de trabalho é tarefa que se leva uma vida aprendendo. Postei a roda no facebook.com/colunadamaga. Posso te propor um exercício? Durante a semana, preste atenção em tudo o que você sentir e tente nomear corretamente. Boa segunda!  



 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros