Faltam menos de dois meses para o fim do sinal analógico: saiba como se preparar para a TV Digital - Notícias

Versão mobile

CONTAGEM REGRESSIVA06/12/2017 | 07h00Atualizada em 06/12/2017 | 07h00

Faltam menos de dois meses para o fim do sinal analógico: saiba como se preparar para a TV Digital

Cerca de 180 mil pessoas têm direito ao kit gratuito no Rio Grande do Sul e ainda não fizeram a retirada

Faltam menos de dois meses para o fim do sinal analógico: saiba como se preparar para a TV Digital /

Quem ainda não adaptou sua TV para receber o sinal digital deve ficar atento: nesta quarta-feira (6), faltam apenas 56 dias para o sinal analógico ser desligado e quem não fizer a mudança ficará sem acesso aos seus programas favoritos. A programação dos canais abertos será transmitida apenas pelo sinal digital para 89 cidades gaúchas a partir de 31 de janeiro do próximo ano. Em todo o Rio Grande do Sul, esse processo será concluído até dezembro de 2023.

Para saber se precisa adaptar a antena e a TV ao novo sinal, é importante o telespectador conferir se na sua televisão está aparecendo um "azinho". Isso quer dizer que o sinal recebido ainda é analógico, e então é preciso fazer mudanças. Caso a televisão seja de tubo ou comprada antes de 2012, é necessário um conversor digital e uma antena de UHF. Para quem tem uma televisão fininha, comprada depois de 2012, é necessário somente uma antena digital para receber o sinal digital. Quem tem TV por assinatura não precisa fazer a mudança, pois as operadoras já retransmitem o sinal digital. 

Algumas pessoas não precisam nem pagar para receber o kit digital. Famílias de Porto Alegre e de outras 88 cidades do Estado cadastradas nos programas sociais do governo federal, como o Bolsa Família, podem agendar e retirar o kit gratuito para a TV digital. Ao todo, serão distribuídos 432 mil kits com antena digital e conversor em municípios da Região Metropolitana, parte do Litoral Norte, Vale do Taquari e Serra. Cerca de 180 mil pessoas que têm direito ainda não retiraram o kit gratuito no Estado.

A população deve acessar o site Seja Digital ou ligar gratuitamente para o telefone 147 para fazer o pedido dos equipamentos. É preciso ter em mãos o número de identificação social (NIS). Os equipamentos serão entregues no local, dia e horário que as famílias escolherem quando fizerem o agendamento. 

A instalação do kit não é difícil, mas pode ser um pouco trabalhosa para quem não tem familiaridade. Neste caso, se recomenda sempre que seja chamado um antenista. 

Saiba mais sobre os kits gratuitos

- O kit gratuito com antena e conversor é destinado aos beneficiários de programas sociais do governo federal.

- O kit é composto de um conversor e uma antena UHF.

- É preciso estar cadastrado em um destes programas: Bolsa Família, Minha Casa Minha Vida, Bolsa Verde _ Programa de Apoio à Conservação Ambiental, Programa de Erradicação do Trabalho Infantil, Fomento _ Programa de Fomento às Atividades Produtivas Rurais, Carteira do Idoso, Aposentadoria para pessoa de baixa renda, Brasil Carinhoso, Cisternas, Telefone Popular, Carta Social, ProJovem Adolescente, Tarifa Social de Energia Elétrica, Bolsa Estiagem, Programa Nacional de Reforma Agrária, Programa Nacional de Crédito Fundiário e Crédito Instalação _ auxílios a beneficiários da reforma agrária.


Dúvidas sobre a TV Digital:

- 4020-7191 para Porto Alegre e Região Metropolitana

- 0800-051-6336 para demais localidades

- Mais informações neste site da RBS TV


Datas de desligamento do sinal analógico em cada região do RS:

- 31/1/2018: RBS TV Porto Alegre (Capital, Região Metropolitana e parte do Litoral Norte), RBS TV Santa Cruz (Vale do Taquari), RBS TV Caxias do Sul (Serra)

- 28/11/2018: RBS TV Pelotas e RBS TV Rio Grande

- 5/12/2018: RBS TV Santa Maria

- Até 31/12/2023: demais regiões

 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros