Menino passa por 13 cirurgias desnecessárias depois de mãe ter inventado um câncer - Notícias

Versão mobile

 

Exagero14/12/2017 | 14h35

Menino passa por 13 cirurgias desnecessárias depois de mãe ter inventado um câncer

Menino passa por 13 cirurgias desnecessárias depois de mãe ter inventado um câncer Reprodução / Facebook/Facebook
Foto: Reprodução / Facebook / Facebook

A americana Kaylene Bowen, 34 anos, foi presa na cidade do Texas, nos Estados Unidos, depois de confessar ter inventado que seu filho, Christopher, atualmente com 8 anos, tem câncer. Ela convenceu médicos a fazerem 13 cirurgias sem necessidade no filho. Além disso, afirmou que a criança tinha alergia a leite e que, por isso, precisava de um transplante de pulmões.

  Leia outras notícias do Diário Gaúcho  

De acordo com o jornal Metrópoles, a história de Kaylene fez com que Christopher fosse a hospitais mais de 300 vezes, mesmo sem ser preciso. Em suas redes sociais, a mãe falou que o filho estava com um “câncer terminal”. Para ajudar o pequeno, a americana criou campanhas para arrecadar dinheiro para realizar o tratamento da criança.

Quando a situação veio a público, os médicos já haviam concluído que ele é completamente saudável e disseram que já desconfiavam da mãe de Christopher há dois anos.

A mãe de Christopher chegou a dizer ao pai do menino, Ryan Crawford, que o filho jamais andaria, conforme contou o homem em entrevista a um programa de TV:

_ Também me disse que ele precisaria ser alimentado por uma sonda.

Ryan disse acreditar que Kaylene sofra de Síndrome de Münchhausen, um transtorno no qual que as pessoas criam e acreditam em traumas e doenças para chamar atenção.

  Leia outras notícias do Diário Gaúcho  


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros