Pagamento de perdas em planos econômicos: veja quanto você poderá receber - Notícias

Versão mobile

 

Acordo fechado19/12/2017 | 04h00Atualizada em 19/12/2017 | 04h00

Pagamento de perdas em planos econômicos: veja quanto você poderá receber

Quem entrou com processo judicial poderá receber valores da poupança corrigidos pela inflação

Os termos do acordo fechado entre Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec), a Frente Brasileira dos Poupadores (Febrapo) e a Federação Brasileira de Bancos (Febraban) para pagamento aos poupadores das perdas com planos econômicos nos anos 1980 e 1990 poderão beneficiar mais de 1 milhão de brasileiros que movem ações públicas individuais ou coletivas.  

Leia mais
Toffoli pede parecer da PGR sobre acordo dos planos econômicos
Bresser, Verão e Collor II: como serão pagos poupadores com perdas em planos econômicos

O acordo ainda precisa ser homologado pelo Supremo Tribunal Federal (STF) antes de entrar em vigor, o que é previsto apenas para depois de fevereiro de 2018, e beneficiará  quem tem ação judicial, uma vez que o caso já prescreveu.  A correção será pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Quem tiver direito de receber até R$ 5 mil não terá desconto. Quem tiver direito de receber entre R$ 5 mil e R$ 10 mil, terá desconto de 8% sobre o valor; quem tiver direito de receber de R$ 10 mil a R$ 20 mil, haverá um desconto de 14% sobre o valor; e quem tiver direito de receber mais de R$ 20 mil terá um desconto de 19% sobre o valor.  

Confira no simulador abaixo os valores aproximados que quem entrou com processo poderá reaver. É importante lembrar que a calculadora é mero simulador, e não serve como garantia para recebimento de tais valores. 

 


 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros