Manoel Soares sobre filhos adolescentes: "Não adianta pesar a mão com eles, achando que vão aprender na porrada" - Notícias

Versão mobile

 

Papo Reto28/04/2018 | 08h00Atualizada em 28/04/2018 | 08h00

Manoel Soares sobre filhos adolescentes: "Não adianta pesar a mão com eles, achando que vão aprender na porrada"

Manoel Soares sobre filhos adolescentes: "Não adianta pesar a mão com eles, achando que vão aprender na porrada" Lauro Alves/Agencia RBS
Foto: Lauro Alves / Agencia RBS

Chega um momento em que os filhos adolescentes acham que já são grandes. Metem uma marra e começam a cantar de galo dentro de casa. Vai desde porta de quarto trancada até chiliques e gritos pelos corredores. Nessa hora, nossa melhor amiga é a matemática. A vida é simples: quem paga as contas canta de galo. Essa gurizada quer morar sozinho sem nunca ter pago uma conta de luz. Não imaginam como a liberdade custa caro. 

Leia outras colunas de Manoel Soares

Cada vez que os pais passam a noite em claro pensando em como fazer a grama render, eles adormecem na tela do celular em conversas e fotos que deixariam muitos de nós de cabelo em pé. Porém, não adianta pesar a mão com eles, achando que vão aprender na porrada. Infelizmente, adolescente só aprende na base da repetição. Precisam ouvir e ver 200 vezes para absorverem uma, mas, as vezes que repetimos ficam em seus subconscientes e, quando viram adultos, é como se o cérebro trouxesse todos conselhos de volta. 

Você que tem mais de 30 anos lembra de um conselho que sua mãe sempre dava? Pensa, aí. É exatamente assim que nossos filhos vão lembrar de nós. O problema é que, hoje, eles acham que informação é conhecimento, e o mundo grita pra eles que a vida é fácil e que não dá nada. Nosso papel é ser a rede na vida deles, deixando que se molhem, mas não se afoguem. 

Exercer amor com exigências é o que tem dado certo em minha casa. Sem afeto e firmeza, a parada sai do eixo, mas não é mole. O que acalma o coração é que, quando eles vencem na vida, nosso peito se enche de orgulho e, cada vez, que olhamos para eles, uma lágrima tenta sair de tanta emoção. Meu conselho é: relaxa, isso vai passar. 


 

Vídeos recomendados para você

 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros