Magali Moraes e as outras utilidades do jornal - Notícias

Versão mobile

 

Coluna da Maga20/06/2018 | 10h00Atualizada em 20/06/2018 | 10h00

Magali Moraes e as outras utilidades do jornal

Colunista escreve às segundas, quartas e sextas-feiras no Diário Gaúcho

Magali Moraes e as outras utilidades do jornal Miguel Neves/Divulgação
Foto: Miguel Neves / Divulgação

Tem tanta gente envolvida pra fazer esse jornal, que nem te conto. É uma redação inteira que não para nunca. Repórteres, editores, fotógrafos, diagramadores, assistentes e estagiários, fora os agregados (como essa colunista que vos escreve). São incontáveis reuniões e tomadas de decisão. O pessoal está sempre correndo atrás da informação correta, buscando pautas úteis e interessantes, conferindo cada palavra e número que aparecem aqui. 

Domingos e feriados são dias normais de trabalho. Vida que segue. E amanhã começa tudo de novo pra fazer a próxima edição. Um jornal como o DG não quer somente cobrir as notícias, mas também te ajudar no dia a dia. Por isso é maravilhoso saber que alguns leitores recortam matérias e colunas (adoooro!) pra guardar e reler. Mas, depois, o que acontece com o jornal? Ele vai direto pro lixo seco, é reciclado e a natureza agradece? Nem sempre.

Leia outras colunas da Maga  

Brilhante 

Jornal tem outras utilidades, além da leitura. Serve pra limpar vidro. Então que seja a janela mais brilhante da rua! Torcidinho, ele é usado pra fazer o fogo do churrasco. Se for pra reunir a família em volta de um costelão 12 horas, tá valendo. Cachorros novinhos aprendem a fazer xixi onde? Em cima do jornal. Apesar de entender a situação, essa parte me dói um pouco (mais do que imaginar a contracapa do DG ardendo no fogo em brasa). Falando em molhar, goteira pede jornal.

Depois de lavar o carro, uma página de jornal em cima do tapete significa capricho. Tomara que a lavagem dure mais pra economizar. Em dia de mudança, os copos são embrulhados em jornal pra não quebrar. Que venham muitos brindes na casa nova! Eu cresci vendo a minha mãe enrolar em jornal a panela do arroz recém feito. Assim ele permanecia aquecido até que todos chegassem pro almoço. Quem diria que, no futuro, eu também usaria o jornal como fonte de calor. Obrigada por aquecer meu coração! Só não me coloque na caixinha do pet (nada pessoal).    


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros