Lancheria da zona sul de Porto Alegre tem placa de boas-vindas para os policiais - Notícias

Versão mobile

 

Segurança04/08/2018 | 09h30Atualizada em 04/08/2018 | 09h30

Lancheria da zona sul de Porto Alegre tem placa de boas-vindas para os policiais

Iniciativa foi inspirada por ação realizada no Paraná. Brigada Militar elogia iniciativa, mas informa que ela não garante privilégios. 

Lancheria da zona sul de Porto Alegre tem placa de boas-vindas para os policiais Tadeu Vilani/Agencia RBS
Gabrielle quer aproximar agentes de segurança da comunidade Foto: Tadeu Vilani / Agencia RBS

“Policial, aqui você tem: água, café, W.C., internet, apoio e amizade”. O cartaz está fixado em um estabelecimento na Avenida da Cavalhada, na zona sul de Porto Alegre. A ação, feita pela proprietária da lancheria Era do Xis, Gabrielle Araújo, 35 anos, tem o objetivo de aproximar os policiais da comunidade e apoiar o trabalho de quem faz a segurança das redondezas.

Gabrielle conta que foi após ver nas redes sociais uma ação semelhante de um estabelecimento no Paraná, e dos relatos do marido – que é soldado da Brigada Militar e trabalha na rua –, que decidiu colocar o aviso.

– É importante apoiar os policiais, aproximá-los da comunidade. A placa é para repassar a mensagem de que aqui eles serão bem-vindos –, destaca a empresária.

– Eles estão aqui para nos defender. É o mínimo que podemos fazer para dar um conforto para eles – reitera Gabrielle.

A reportagem conversou com uma dupla de policiais militares que atuava nas imediações. Para eles, que preferiram não se identificar, é importante o reconhecimento do trabalho.

– Não é pelo café ou pela água, é mas pela boa vontade e pela disposição da comunidade. É por sermos bem recebidos e pela valorização – apontam.

Sem mudanças na rotina do policiamento

A Brigada Militar, por meio de sua assessoria de comunicação, destaca que iniciativas como a adotada por Gabrielle geram uma aproximação da comunidade com a instituição, fazendo com que haja uma ligação de parceria com o comércio, além de uma interação constante entre policiais e moradores. 

Mas a instituição afirma que a ação não implicará em mudança na rotina do policiamento nem que os locais serão privilegiados com mais segurança.

“A iniciativa é boa, mas o ideal é que o policial militar seja bem recebido em qualquer lugar, com ou sem cartaz, pois a presença é sinônimo de segurança e tranquilidade”, informa a nota.

  


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros