Feriado de sol e grande público marcam abertura oficial do Acampamento Farroupilha  - Notícias

Versão mobile

 

Piquetchê do DG07/09/2018 | 22h02Atualizada em 10/09/2018 | 17h07

Feriado de sol e grande público marcam abertura oficial do Acampamento Farroupilha 

Gauchada lotou o Parque Maurício Sirotsky Sobrinho para aproveitar o primeiro dia do evento.

Feriado de sol e grande público marcam abertura oficial do Acampamento Farroupilha  Isadora Neumann / Agência RBS/Agência RBS
Evento espera receber 1 milhão de visitantes até o dia 20 de setembro. Foto: Isadora Neumann / Agência RBS / Agência RBS
Carolina Lewis
Carolina Lewis

A Chama Crioula ainda não tinha chegado ao Acampamento Farroupilha para abrir oficialmente os festejos, mas, no Parque Maurício Sirotsky Sobrinho, o clima já era de celebração na tarde de sexta-feira. O dia ensolarado e quente atraiu os visitantes que aproveitaram o feriado para passear pelo parque, que ficou lotado durante o dia todo. 

Moradores de Guaíba, Sabrina Romeiro, 24 anos, e Jean Romeiro, 26 anos, estavam visitando pela primeira vez o local. Além de aproveitarem o dia de folga, eles escolheram o evento para celebrar os dois anos de casados. Frequentadores assíduos do acampamento de Guaíba, onde moram, eles ficaram impressionados com a quantidade de atrações e de opções de alimentação. 

– Lá em Guaíba não tem piquete que serve almoço, só lanches. Estamos nos sentindo em casa, aqui é bem aconchegante – comentou Jean. 

Casal comemora 2 anos de casados no Acampamento Farroupilha
Sabrina e Jean visitaram o Acampamento pela primeira vez.Foto: Carolina Lewis / Agência RBS

 Leia também:
Confira a entrevista com Renato Borghetti, patrono da Semana Farroupilha Saiba mais sobre o tropeirismo, tema dos festejos farroupilhas deste ano 

Depois de almoçar no parque, o casal resolveu parar para fazer um lanche no Piquete Lendas do Sul, que serve os tradicionais bolinhos de chuva. No espaço, o combo de três bolinhos e café preto custa R$ 10. 

– É mesmo uma delícia – garante a professora Raquel do Nascimento, 40 anos, que há quatro anos visita o piquete com o marido, o psicólogo Eduardo Martins, 43. 

_ É mesmo uma delícia _ garante a professora Raquel do Nascimento, 40 anos, que há quatro anos visita o piquete com o marido, o psicólogo Eduardo Martins, 43. 

No dia 12, às 9h30min, a dona da receita que há 21 anos faz o maior sucesso no evento, Maria da Graça Spindola, fará uma oficina para ensinar o passo a passo. O piquete também oferece churrasco e comida campeira diariamente. 

Uma atração do parque que atrai muitos visitantes é a feira de exposições, que conta com 75 estandes. Por lá, é possível encontrar artesanato, roupas e acessórios tradicionalistas, artigos em couro, além de doces de Pelotas. 

Já a novidade deste ano é o Bolicho da Schin, que fica na área central. Salames e queijos pendurados, doces, uma máquina registrado antiga e uma balança de precisão compõem o cenário que remete aos antigos bolichos.

Gaudérios de todas as idades

Além das tradicionais churrascadas, dos bailes e trovas promovidos pelos piquetes, o que não faltam são atividades para todos e gostos e idades. 

 PORTO ALEGRE, RS, BRASIL, 07/09/2018: Ambiental do Acampamento Farroupilha. Na foto:  Manuela Oliveira da Fonseca, 2 anosIndexador: ISADORA NEUMANN
Manuela andou pela primeira vez de pônei no Acampamento.Foto: Isadora Neumann / Agencia RBS

A pequena Manuela Oliveira da Fonseca, 2 anos, estava se divertindo no passeio de pônei. A atração acontece durante os feriados e finais de semana na área de acesso à Fazendinha pelo valor de R$ 5 para crianças de 0 a 6 anos.

– A gente acaba se divertindo com eles (as crianças) – garante Adão Moraes da Silva, 50 anos, que há 11 oferece o passeio no acampamento.

Leia mais:
Conheça a mulher que é a guardiã da Chama Crioula
Legado deixado por Paixão Côrtes inspira tradicionalistas

Os grandinhos e os adultos também podem passear, mas em outros tipos de cavalos, os petiços, oferecidos pelo Piquete dos Pôneis. Durante a semana, alguns animais também ficam disponíveis no próprio piquete que fica no setor 38 E.

Outra opção de mobilidade são os carrinhos elétricos disponíveis para idosos e deficientes. A solicitação pode ser feita no administrativo do acampamento.

Chegada da chama

Após percorrer mais de 640 quilômetros pelo Rio Grande do Sul, a Chama Crioula chegou às 18h30min desta sexta-feira (7) no Parque Maurício Sirotsky Sobrinho.  

 PORTO ALEGRE, RS, BRASIL, 07/09/2018: Chama Crioula é acesa e dá início a celebrações tradicionalistas no Acampamento Farroupilha. Na foto: Carlos, filho de Paixão Côrtes, e Renato BorghettiIndexador: ISADORA NEUMANN
Tradicionalistas, Carlos Paixão Côrtes e Renato Borghetti conduziram cerimônia de abertura.Foto: Isadora Neumann / Agencia RBS

 O ato marcou a abertura oficial do Acampamento Farroupilha 2018. A cerimônia foi conduzida por Renato Borghetti, patrono dos festejos e por Carlos Paixão Côrtes, filho do tradicionalista que morreu em 27 de agosto, aos 91 anos.

— Foi muito emocionante, 71 anos depois, acender a Chama Crioula que meu pai acendeu lá em 47. — disse Carlos Paixão. 

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros