Sucatas de veículos da prefeitura incomodam veranistas na praia de Magistério, em Balneário Pinhal - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Seu Problema é Nosso09/01/2019 | 08h00Atualizada em 09/01/2019 | 08h06

Sucatas de veículos da prefeitura incomodam veranistas na praia de Magistério, em Balneário Pinhal

Nos últimos cinco anos, o número de carros abandonados na Rua São Gabriel, esquina com a Travessa Nelson Antônio Luiz, aumentou

Sucatas de veículos da prefeitura incomodam veranistas na praia de Magistério, em Balneário Pinhal LeitorDG / Arquivo Pessoal/Arquivo Pessoal
Carros e ônibus abandonados Foto: LeitorDG / Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

Cerca de 10 veículos, de carros até ônibus e ambulância, foram abandonados na Rua São Gabriel, esquina com a Travessa Nelson Antônio Luiz, na praia de Magistério, no município litorâneo de Balneário Pinhal. É o que conta a servidora pública Claudia Santos Casares, 36 anos, que é moradora de Canoas mas veraneia no balneário há mais de 30 anos.

Leia mais
Escadaria no bairro São José, em Porto Alegre, ainda precisa de reparos
Menina de Nova Palma precisa ajuda para realizar tratamento de tumor ósseo em São Paulo
Falta de coleta de lixo em Balneário Pinhal incomoda moradores e veranistas

— Transformou-se em um ferro-velho. As pessoas colocam lixo, até bicho morto tem, causando mau cheiro. Além disso, usuários de drogas também ficam no local — conta.

Segundo ela, os veículos, todos enferrujados e sujos, são sucatas de meios de transporte anteriormente utilizados pela prefeitura. Um ônibus escolar e uma ambulância se destacam pelo tamanho, diminuindo o espaço da via. O caminho é utilizado por veranistas com frequência, dado que o local fica a uma quadra do mar. 

— Quem vai à praia é obrigado a desviar pelas outras ruas e caminhar mais — explica Claudia.

Os carros estão bem ao lado de um depósito que, conforme a leitora, é da subprefeitura do Magistério, em uma estrutura que, inicialmente, serviria como um ginásio, informa a leitora. 

Máquinas e outras sucatas também foram deixados no localFoto: LeitorDG / Arquivo Pessoal

Aumento 

A servidora afirma também que, nos cinco anos em que os veículos começaram a ser deixados na área, o número de carros só aumentou. Ela acredita que os veículos sejam de propriedade da prefeitura. 

— Há adesivos da prefeitura colados nos carros — relata.

Segundo imagens enviadas por Claudia, além de uma patrola, no local também há um ônibus com a inscrição “Secretaria de Obras” em um letreiro. A leitora garante que os moradores do entorno já reclamaram da situação e que, inclusive, houve a retirada do lixo. No entanto, os veículos continuam no local.

Balneário Pinhal tem cerca de 12 mil moradores fixos, mas recebe milhares de veranistas durante os períodos de calor. Claudia teme que a situação afete o lazer das famílias que visitam a praia. 

Prefeitura não dá previsão de retirada

A assessoria de imprensa da prefeitura de Balneário Pinhal informou, por nota, que o espaço da Rua São Gabriel é, na verdade, o pátio de uma garagem de propriedade do município. Os veículos, segundo comunicado oficial, “são sucatas herdadas das gestões passadas e irão a leilão, em prazo a ser definido”. 

Além disso, a prefeitura informou que fará uma limpeza no local “em breve”, mas não citou o dia exato.

Produção: Ásafe Bueno

Leia outras notícias da seção Seu Problema é Nosso  


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros