Dia do Consumidor: antes de comprar, siga 6 passos - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Seu bolso13/03/2019 | 11h08

Dia do Consumidor: antes de comprar, siga 6 passos

Data ganha força no comércio online. Veja como evitar problemas

Dia do Consumidor: antes de comprar, siga 6 passos PROCON/SC/Divulgação
Fique atento à política de trocas no comércio eletrônico Foto: PROCON/SC / Divulgação

Data criada originalmente para servir de reflexão às relações de consumo e ao endividamento, o Dia do Consumidor se tornou uma onda para o comércio eletrônico surfar com promoções. Marcada para a próxima sexta-feira (15), a data, que está sendo divulgada por muitos lojistas como a Black Friday do primeiro semestre, promete descontos de até 50% em itens como eletrônicos, eletrodomésticos e vestuário.

Um levantamento da consultoria Ebit Nielsen estima que as vendas devam crescer 18% nas ofertas alusivas ao Dia do Consumidor em relação ao ano passado. 

Leia mais
Semana do Consumidor tem ofertas de 50% até domingo
Dia do Consumidor: Defensoria Pública realiza mutirão em Porto Alegre para esclarecer dúvidas

O Instituto Brasileiro de Defesa do Consumidor (Idec) recomenda que os consumidores conheçam a política de trocas do comércio eletrônico antes de efetuarem as compras e fiquem atentos às falsas liquidações, já que algumas lojas podem aumentar propositalmente os preços antes de aplicar descontos. 

— Na Semana do Consumidor ou em qualquer época do ano, o principal é ter atitudes que vão ao encontro dos valores do consumo consciente. Ou seja, é preciso que haja uma mudança de comportamento, que a pessoa planeje suas compras com antecedência, refletindo a real necessidade do bem ou serviço a ser adquirido — afirma Cláudia Forte, superintendente da Associação de Educação Financeira do Brasil (AEF-Brasil).

6 dicas para não se dar mal nas compras online

  1. Faça um planejamento na ponta do lápis antes de ir às compras. Descreva o que pretende comprar, qual o valor e a melhor forma de pagamento. Assim, escape da compra por impulso e da dívida.
  2. Não se limite a pesquisar preços em apenas um site. Em períodos de promoções, como a Black Friday ou a Semana do Consumidor, é imprescindível usar a imensidão da internet para comparar as ofertas.
  3. Veja se o desconto é real, ao consultar sites e aplicativos que registrem o histórico de valores. Algumas das ferramentas mais conhecidas são do Buscapé e do Zoom, que apresentam um gráfico com a variação média do valor do produto na internet no último mês. A pesquisa é importante porque algumas empresas podem elevar artificialmente os preços antes de aplicarem descontos, tornando as promoções inócuas. 
  4. Prefira comprar nas lojas que você conhece e confia. Se for pagar online, tenha cuidado para não cair em fraudes: opte pelos sites confiáveis. O cartão de crédito é considerado a forma mais segura de pagamento, pela possibilidade de pedir estorno dos valores.
  5. Quando for concluir a compra, confira se estão sendo cobrados os valores anunciados e se o frete não é alto demais. Por ser uma ocasião esporádica, pode ser que os preços promocionais não estejam atualizados nos sistemas das lojas.
  6. Sites de comparação de preços podem ajudar nesta época de promoções – alguns, como o Buscapé, anunciam um esquema especial para comparar preços durante a Semana do Consumidor. Zoom, Bondfaro e JaCotei são outras boas fontes de informação. 
 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros