Manoel Soares e a iniciativa para ajudar os brasileiros que precisam limpar seus nomes - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Papo Reto23/03/2019 | 07h00Atualizada em 23/03/2019 | 07h00

Manoel Soares e a iniciativa para ajudar os brasileiros que precisam limpar seus nomes

Colunista escreve nas edições de final de semana do Diário Gaúcho

Manoel Soares e a iniciativa para ajudar os brasileiros que precisam limpar seus nomes Lauro Alves/Agencia RBS
Foto: Lauro Alves / Agencia RBS

Nesta semana, no programa Encontro com Fátima Bernardes, entrei ao vivo falando de uma iniciativa que pode ajudar milhares de brasileiros a limpar seu nome. Hoje, no Brasil, são 62 milhões de pessoas com restrições no nome, que estão impedidas de fazer compras a crédito. 

Leia outras colunas Papo Reto

A verdade é que, como ratos famintos, muitos brasileiros foram levados para ratoeiras do consumo. Depois de anos de miséria, é natural que alguns metessem os pés pelas mãos e se endividassem. Na fila onde conversei com as pessoas, a maioria tinha dívidas com universidades e cartões de crédito. Poucos estavam ali por tentar comprar carro do ano ou fazer cruzeiro de luxo, em grande parte foram pessoas que viram na liberação de crédito uma forma de ter dignidade. 

Mas a economia é uma máquina com muitas engrenagens. Para as pessoas pagarem suas contas, precisam de emprego. Para haver emprego, indústria e mercado têm que andar bem. Mas, se a política não anda bem, os juros e os impostos aumentam e os empresários não investem. Com isso, falta emprego e quem está desempregado não tem como pagar as contas. 

Para limpar o nome

Seguindo essa lógica, quem enfiou 62 milhões de pessoas no buraco das dívidas não foi o "olho grande" delas, mas o desequilíbrio do governo e mercado. No fim, nós ficamos envergonhados quando nosso cartão é recusado no supermercado e o carrinho está cheio de compras. Mas essa vergonha não deve ser nossa, e sim de uma elite que, para ficar bem gorda, bebe sangue de pobre no café da manhã. 

Leia outras notícias do Diário Gaúcho

Uma iniciativa está sendo feita para que as pessoas possam negociar as dívidas com desconto. O Feirão Limpa Nome está rolando na internet e tem gente renegociando sua dívida com muita vantagem. Vai até o dia 31 deste mês e basta entrar em www.feiraolimpanome.com.br, preencher o cadastro e começar a renegociação. Só peço aos que conseguirem se livrar das bombas, que não caiam novamente na ratoeira de consumo.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros