ONG promove casamento coletivo na Lomba do Pinheiro - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Celebração19/05/2019 | 19h25

ONG promove casamento coletivo na Lomba do Pinheiro

Festa para 300 pessoas ocorreu na tarde deste domingo

ONG promove casamento coletivo na Lomba do Pinheiro Ronaldo Bernardi/Agencia RBS
Oito casais participaram da celebração Foto: Ronaldo Bernardi / Agencia RBS

Oito casais realizaram o sonho de celebrar o amor com véu, grinalda, bolo e alianças graças a uma ação promovida pela ONG Anjos da Lomba. O evento ocorreu na tarde deste domingo (19) em uma festa para 300 pessoas no Terreiro de Jorge, antigo Casarão, na Lomba do Pinheiro, em Porto Alegre. Quase 30 voluntários trabalharam para tornar o momento possível a pessoas que não tinham perspectivas de participar de uma festa tradicional de casamento. 

Leia mais
Casamento comunitário na Lomba do Pinheiro vai realizar sonho de 10 casais neste domingo: saiba como ajudar

Uma das noivas, que também é integrante da ONG, Adriana da Silva, 37 anos, conta que uma festa de casamento sempre foi um sonho muito distante para ela e o companheiro, Adroaldo Santos, 47 anos, juntos há 15 anos.

– Não tínhamos condições de fazer uma festa, não era uma prioridade. Todo o nosso investimento vai para nossa filha– explica.

 PORTO ALEGRE,RS,BRASIL.2019,05,19.Casaemto coletivo promovido pala Anjas da Lomba do Pinheiro,oito casais realizaram o sonho de celebrarem cerimônia de casamento na Lomba do Pinheiro.Na foto.Adriana Alves e Adroaldo dos Santos.(RONALDO BERNARDI/AGENCIA RBS).
Adriana e Adroaldo estão há 15 anos juntosFoto: Ronaldo Bernardi / Agencia RBS

Adriana e Adroaldo são pais de Flavia, 17 anos, que nasceu com uma doença rara e precisa de cuidados em tempo integral. Na festa, a menina foi uma das aias e acompanhou toda a cerimônia ao lado dos pais:

Leia mais
Sonho de debutantes é realizado na Lomba do Pinheiro
Nem comida, nem roupa: a história do grupo de voluntárias que decidiu doar festas
Dia Mundial do Livro: iniciativa distribui obras de graça em paradas da Lomba do Pinheiro

– Para nós, esse momento tem um significado muito grande. Passamos por muitas coisas juntos, muitos obstáculos. Estar aqui é uma vitória – considera Adroaldo.

Enquanto se aprontava no salão de beleza – um dia de princesa foi proporcionado para todas as noivas –, Adriana não escondia o nervosismo com tudo o que aquele momento representava para ela:

– Estou com um frio na barriga, não consegui almoçar. Estamos juntos há muito tempo e hoje é um dia muito feliz.

A sensação de incredulidade pelo que estava acontecendo era comum entre as demais noivas, que pareciam não acreditar que estavam vivendo um sonho. Há oito anos com o gesseiro Paulo Henrique da Silva Garcia, 36 anos, a educadora assistente Bruna Camargo Trajano, 29 anos, acredita que o casamento vai reforçar o companheirismo entre eles:

– Eu sempre quis casar, mas não achava que isso ia mesmo acontecer. Já tinha perdido as esperanças. 

O casal tem dois filhos, um de seis anos e outro de dois meses, que a mãe levou nos braços ao encontrar o noivo na cerimônia.

 PORTO ALEGRE,RS,BRASIL.2019,05,19.Casaemto coletivo promovido pala Anjas da Lomba do Pinheiro,oito casais realizaram o sonho de celebrarem cerimônia de casamento na Lomba do Pinheiro.(RONALDO BERNARDI/AGENCIA RBS).
Após dia de beleza, noivas se preparam para encontrar os noivosFoto: Ronaldo Bernardi / Agencia RBS

"O amor ainda existe", conclui noiva

Para a auxiliar de serviços gerais Madeleine Miranda da Luz, 48 anos, que está há 18 anos com o carpinteiro Rodrigo Sanchez da Luz, 37 anos, com quem já é casada no civil, viver um dia de noiva era algo que não esperava:

– Decidimos participar há três semanas, ele topou na hora. É um momento que toda mulher merece passar, estamos sendo muito bem atendidas e com muito carinho. O amor ainda existe.  

 PORTO ALEGRE,RS,BRASIL.2019,05,19.Casaemto coletivo promovido pala Anjas da Lomba do Pinheiro,oito casais realizaram o sonho de celebrarem cerimônia de casamento na Lomba do Pinheiro.(RONALDO BERNARDI/AGENCIA RBS).
Madeleine que já é casada no civil não esperava viver um dia de noivaFoto: Ronaldo Bernardi / Agencia RBS

Para participar da ação, os interessados se inscreveram pelo Facebook. Ao todo, foram 60 casais inscritos que enviaram sua história em vídeo para a ONG. A seleção ocorreu por meio de entrevistas. 

À frente da ONG Anjos da Lomba, Sandra Oliveira conta que a entidade existe há 12 anos, fazendo festas comunitárias. A mais conhecida delas é a Cinderela Por um Anjo, em que realiza, anualmente, uma festa de debutantes para jovens da Lomba do Pinheiro. O casamento comunitário foi o mais desafiador dos eventos já realizados pela ONG:

– Foram mais de 30 parceiros que nos ajudaram com todo tipo de doação, do bolo até as cadeiras para os convidados. Foi legal ver que a comunidade se envolveu também. A gente trabalha para realizar sonhos. Aqui estão casais que não tinham a possibilidade de realizar uma festa de casamento e hoje vão viver uma – afirma Sandra, que foi uma das cerimonialistas.

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros