Brigadianos ajudam mulher que teve bebê dentro de casa em Cachoeirinha - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Mobilização16/06/2019 | 20h25Atualizada em 16/06/2019 | 20h25

Brigadianos ajudam mulher que teve bebê dentro de casa em Cachoeirinha

Após o parto, a mãe escolheu o nome de Valentina enquanto era levada ao hospital de viatura

Brigadianos ajudam mulher que teve bebê dentro de casa em Cachoeirinha Brigada Militar / Divulgação/Divulgação
Vânia Soares Rosa, 39 anos (no centro) deu à luz com a ajuda de brigadianos Foto: Brigada Militar / Divulgação / Divulgação

A manhã dos policiais militares da Brigada Militar em Cachoeirinha foi de mobilização. Por volta das 11h deste domingo (16), os soldados Camargo e Macedo, da sala de operações, receberam uma ligação de emergência de uma mãe em trabalho de parto dentro de casa, na Rua Gravatal, no bairro Nova Cachoeirinha. 

Leia mais
Água começa a voltar às casas do Rincão da Madalena, em Gravataí, após 20 dias em falta
Falta de remédio para tratar reumatismo afeta moradora de Porto Alegre
Menino de Alvorada precisa de cirurgia para corrigir escoliose   

Rapidamente, os soldados Marne Barcelos e Eliandra Trombini atenderam ao chamado e chegaram a tempo de ajudar Vânia Soares Rosa, 39 anos, no parto dentro de casa. A bebê nasceu poucos minutos depois, e os brigadianos transportaram as duas em cima de um colchão, ainda ligadas pelo cordão umbilical. 

A viatura andou a quase 130 km/h para chegar logo ao hospital Padre Jeremias. No caminho, os policiais perguntaram o nome da bebê à mãe, que decidiu ali, na hora.

— Ela disse que não tinha escolhido ainda, mas que iria dar o nome de Valentina, porque a bebê foi muito valente diante de toda a situação   — relatou o soldado Marne Barcelos, que já havia auxiliado no transporte de grávidas em trabalho de parto, mas nunca havia atuado diretamente no nascimento de um bebê.

Toda a ação aconteceu em menos de uma hora e garantiu que tudo desse certo. Mãe e filha passam bem e ainda estão internadas. 

O soldado Marne Barcelos contou que os soldados estão se mobilizando na Brigada Militar para doações de roupinhas de bebê à família, já que não estavam preparados para o nascimento inesperado. Quem quiser ajudar, pode entregar na sede do 26º Batalhão  (Avenida Flores da Cunha 3419). 


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros