Magali Moraes e o poder de uma fotografia - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Coluna da Maga09/09/2019 | 10h00Atualizada em 09/09/2019 | 10h00

Magali Moraes e o poder de uma fotografia

Colunista escreve às segundas, quartas e sextas-feiras no Diário Gaúcho

Magali Moraes e o poder de uma fotografia Fernando Gomes/Agencia RBS
Foto: Fernando Gomes / Agencia RBS

Desculpe interromper a sua segunda-feira, mas trago uma dica que pode ajudar ao longo da semana. Nesses tempos difíceis, a gente precisa se cercar daquilo que nos faz bem. Seja música, objetos, plantas, bichos, pessoas, boas lembranças. E se não dá pra ter sempre os nossos favoritos coladinhos com a gente, vamos improvisar carregando fotos deles. Fotografia é arte, e também é amor. Eterniza momentos felizes. Consegue nos transportar pra lugares e épocas. Funciona como um escudo protetor. 

Você tem o costume de colocar uma foto de fundo na tela bloqueada do seu celular? Em muitos smartphones, dá pra fazer isso. Adoro! É o fator surpresa. A foto só aparece quando a gente pega o celular e a luz da tela acende. Vai ver as horas (ou o tamanho do seu atraso) e pimba! Surge um rostinho querido alegrando o dia. Vai botar o alarme pra tocar às seis da matina e dá de cara com aquela foto engraçada. Vai conferir um compromisso na agenda e vem a foto das últimas férias!

Leia mais colunas da Maga

Paisagem 

Como toda mãe-coruja, sempre tenho fotinho dos filhos na tela bloqueada do celular. Mas fazia tempo que eu não mudava, e até as imagens especiais viram paisagem (a gente vê, mas não enxerga mais). Então troquei por outra linda que tirei deles esses dias. Impressionante como uma foto nova traz bem-estar instantâneo nos momentos mais inesperados. O coração transborda. Mães e pais, nunca desistam de tirar novas fotos das crias. Implorem e chantageiem se precisar. 

Também pode ser foto dos filhos caninos e felinos, de sobrinhos, da família reunida, do seu amor, da melhor amiga, de um lugar bonito onde você já esteve ou quer muito conhecer. Essa foto pode estar dentro do porta-retrato na cabeceira da cama, no balcão da sala, na mesa do trabalho, dentro da carteira, colada com ímã na porta da geladeira. Se for uma foto que te faz bem, deixe ela sempre por perto. Rever as que estão no rolo do celular é terapia das boas a qualquer hora do dia.


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros