Cerca de mil crianças de bairros carentes devem receber merenda e espaço para brincar durante as férias - Notícias

Versão mobile

 
 

Alvorada07/01/2020 | 18h02Atualizada em 07/01/2020 | 20h17

Cerca de mil crianças de bairros carentes devem receber merenda e espaço para brincar durante as férias

Quatro escolas da cidade da Região Metropolitana abrem as portas, durante seis dias, para o projeto Brincando nas Férias

Cerca de mil crianças de bairros carentes devem receber merenda e espaço para brincar durante as férias André Ávila/Agencia RBS
Lucas, 8 anos, foi com os irmãos e a avó à escola Foto: André Ávila / Agencia RBS
Jéssica Rebeca Weber
Jéssica Rebeca Weber

jessica.weber@zerohora.com.br

Quatro escolas de Alvorada, na Região Metropolitana, abriram as portas nesta terça-feira (7) para servir merenda e proporcionar um espaço seguro para os alunos se divertirem durante o recesso escolar. Projeto do município que tem o pior PIB per capita do Estado, o Brincando nas Férias se repetirá nesta quarta (8) e quinta-feira (9), além dos dias 14, 15 e 16 de janeiro. Deve beneficiar cerca de mil crianças.

Na Escola Leonel Brizola, a comida feita "com carinho, paciência e boa energia" pela merendeira Anna Marilda Moraes Bragança agradou a gurizada: teve achocolatado com biscoitos de manhã, carreteiro, feijão e salada de almoço, e batida de banana no lanche da tarde. A atividade estava programada para ocorrer entre 10h e 15h, mas às 9h já tinha crianças no saguão da escola.

 PORTO ALEGRE, RS, BRASIL - 2020.01.07 - A prefeitura de Alvorada ampliou o projeto Brincando nas Férias, que oferece refeições em alguns dias do recesso escolar a crianças e adolescentes matriculadas na rede de ensino municipal. Na foto: Gabriel e sua avó Ledi Falcão (Foto: André Ávila/ Agência RBS)Indexador: Andre Avila<!-- NICAID(14379650) -->
Ledi dando comida para o neto, GabrielFoto: André Ávila / Agencia RBS

Lucas, 8 anos, que foi ao colégio com a avó, Ledi Falcão, 55 anos, e os três irmãos mais novos, raspou o prato e esperava a comida baixar para começar a brincadeira. Maria Isadora da Silva, 9 anos, deu orgulho às professoras: comia um prato de cenoura, cebola, tomate e chuchu depois do arroz e do feijão.

— Vim pra brincar, comer e ficar com as amigas — comentou ela, no final.

A criançada ainda se divertiu brincando de pingue-pongue, piscina de bolinhas, xadrez, damas, desenhando, entre outras atividades. Também teve exibição do filme Rei Leão dentro de um ônibus adaptado pela prefeitura, com os assentos virados para o fundo do veículo, onde foi instalado o telão e o projetor. É o terceiro ano que o projeto Brincando nas Férias ocorre no colégio do bairro Sítio dos Açudes, uma das regiões mais carentes do município.

— Boa parte das crianças depende da alimentação dada na escola, uma comida de qualidade — observa a diretora da Leonel Brizola, Angela Soares de Brito.

 PORTO ALEGRE, RS, BRASIL - 2020.01.07 - A prefeitura de Alvorada ampliou o projeto Brincando nas Férias, que oferece refeições em alguns dias do recesso escolar a crianças e adolescentes matriculadas na rede de ensino municipal. Na foto: Ana Marilda (Foto: André Ávila/ Agência RBS)Indexador: Andre Avila<!-- NICAID(14379652) -->
Anna preparou comida com "carinho, paciência e boa energia" Foto: André Ávila / Agencia RBS

Nesta edição, a iniciativa se estendeu também às escolas Elisardo Duarte Neto, Normélio Pereira de Barcelos e Paulo Freire, também localizados em zonas carentes, como explica Nadir Machado, secretária de educação de Alvorada. Ela conta que, como o valor para a merenda do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) se encerra com o fim das aulas, os alimentos servidos foram adquiridos por meio de doação, e a organização se iniciou ainda em novembro.

— Esses alunos não vão para shopping, para cinema, praia ou piscina. Não tem estrutura para eles se divertirem nessas regiões. Aqui eles estão seguros e com alimentação garantida — comenta a diretora.

A realização da iniciativa virou lei no ano passado. A proposta do vereador Schumacher (PT) foi aprovada em julho na Câmara Municipal. O vereador lembra de um caso que viralizou, mas também sensibilizou o Rio Grande do Sul: o áudio das "três conchadas de galinha" espalhado via WhatsApp em que o menino Pierre Silva Chagas contava ao colega como a merenda da escola Frederico Dihl, também em Alvorada, estava boa justamente no dia em que o colega faltou.

 PORTO ALEGRE, RS, BRASIL - 2020.01.07 - A prefeitura de Alvorada ampliou o projeto Brincando nas Férias, que oferece refeições em alguns dias do recesso escolar a crianças e adolescentes matriculadas na rede de ensino municipal. (Foto: André Ávila/ Agência RBS)Indexador: Andre Avila<!-- NICAID(14379657) -->
Crianças assistiram ao Rei Leão dentro de ônibus adaptado para virar cinema Foto: André Ávila / Agencia RBS


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros