Manoel Soares: "quem é jovem não imagina que o pai um dia não estará mais aqui" - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Papo Reto08/02/2020 | 08h00Atualizada em 08/02/2020 | 08h00

Manoel Soares: "quem é jovem não imagina que o pai um dia não estará mais aqui"

Colunista escreve nas edições de final de semana do Diário Gaúcho

Manoel Soares: "quem é jovem não imagina que o pai um dia não estará mais aqui" Lauro Alves/Agencia RBS
Foto: Lauro Alves / Agencia RBS

Vi essa semana um jovem de uns 17 anos mandando o pai longe. Senti uma indignação misturada com algo que parecia uma saudade  de algo que não vivi. Minha mãe teve que se separar do meu pai quando eu tinha oito anos. Imagino como foi para ela abandonar o homem que amava para dar uma vida melhor aos filhos. 

 Leia outras notícias do Diário Gaúcho 

Como muitos homens dos anos 1980, ele era agressivo com ela e com a gente. Mas quando vejo um pai e um filho assim, penso que o menino poderia entender que essa relação é algo valioso. 

Lamento

Eu mesmo adoraria que meu coroa pudesse ter sido mais maduro. Alguns anos depois, ele foi assassinado e nós não pudemos viver o que seria destinado a pai e filho. Aplaudo minha mãe pela coragem que teve e por, depois ser pai e mãe, lamento tudo que não vivi com ele. Quando um filho xinga o pai como eu vi aquele jovem fazendo, ele perde uma chance preciosa de viver alegrias que eu nunca tive.

 Leia outras colunas de Manoel Soares 

Geralmente quem é jovem não imagina que esse pai um dia não estará mais aqui. A tendência de alguns pais é virar a mão na cara do filho, mas isso também não resolve. Tem lições que só a lágrima rolando e um coração apertado vão ensinar. Se você que está lendo não está falando com seu pai, resolve isso hoje. Amanhã pode ser tarde. 


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros