Pagamento da segunda parcela do auxílio emergencial começa com poucas filas em agências da Caixa - Notícias

Vers?o mobile

 
 

Movimento tranquilo18/05/2020 | 17h53Atualizada em 18/05/2020 | 17h53

Pagamento da segunda parcela do auxílio emergencial começa com poucas filas em agências da Caixa

Beneficiários do Bolsa Família são os primeiros a receber, a partir desta segunda-feira, conforme o Número de Identificação Social

Pagamento da segunda parcela do auxílio emergencial começa com poucas filas em agências da Caixa Ronaldo Bernardi/Agencia RBS
Fila em frente a agência da Caixa em Alvorada no começo da manhã desta segunda-feira Foto: Ronaldo Bernardi / Agencia RBS

Diferentemente da primeira fase, quando muitas filas foram registradas, as agências da Caixa Econômica Federal em Porto Alegre têm pouco movimento nesta segunda-feira (18), quando começa a ser paga a segunda parcela do auxílio emergencial de R$ 600. A reportagem circulou, entre 6h e 7h, por cinco unidades do banco nas regiões sul, central e norte da cidade.

Na agência do bairro Tristeza, na Zona Sul, apenas a diarista Maria da Graça Corrêa dos Santos, 61 anos, permanecia escorada na porta de entrada do banco. Ela foi ao local para pedir ajuda aos atendentes.

Leia outras notícias do Diário Gaúcho

— Eu fui a segunda a receber a primeira parcela. Em casa, a gente está vivendo só da aposentadoria do meu marido, mas vai tudo pras contas — explica, sobre o salário mínimo do companheiro.

Como não é beneficiária do Bolsa Família, Maria da Graça não terá direito ao saque da segunda parcela nesta semana. Até 29 de maio, somente os cadastrados no programa de assistência terão direito a retirar o valor em espécie, conforme o Número de Identificação Social (NIS). Clique para conferir o calendário.

Leia também
Auxílio emergencial: governo divulga calendário de pagamento da segunda parcela
Para medir índices de distanciamento social, Porto Alegre vai monitorar movimentação de 540 mil celulares
Como a pandemia afetou o atendimento na rede básica de sáude

Agências da Caixa amanhecem sem fila nesta segunda<!-- NICAID(14502106) -->
Maria da Graça Corrêa dos Santos, 61 anos, em frente à agência da Caixa no bairro TristezaFoto: Tiago Boff / Agencia RBS

Na agência do bairro Partenon, havia quatro pessoas aguardando a chegada dos servidores. No Centro Histórico não havia formação de fila nesta manhã e, no bairro Sarandi, apenas uma pessoa foi buscar atendimento.

 Na Região Metropolitana, a reportagem encontrou em torno de 10 pessoas em uma agência de Alvorada, e outras cinco na outra filial do município. Na primeira etapa, houve filas de até 500 pessoas, muitas que passaram a noite na rua, em Alvorada. 

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca