Após novo decreto, veja como será o funcionamento de cada setor em Porto Alegre - Notícias

Versão mobile

 
 

Atividades flexibilizadas11/08/2020 | 08h56Atualizada em 11/08/2020 | 08h56

Após novo decreto, veja como será o funcionamento de cada setor em Porto Alegre

Alterações passam a valer nesta terça-feira

Após novo decreto, veja como será o funcionamento de cada setor em Porto Alegre Mateus Bruxel/Agencia RBS
Comércio poderá funcionar de quarta a sexta-feira Foto: Mateus Bruxel / Agencia RBS
GaúchaZH
GaúchaZH

A prefeitura de Porto Alegre publicou na noite desta segunda-feira (10) o decreto que flexibiliza atividades na cidade. Está autorizado o funcionamento de estabelecimentos comerciais, industriais e de prestação de serviços e atividades da construção civil. 

As alterações passam a valer nesta terça-feira (11). 

Confira como fica a operação de cada setor

Atividades comerciais, industriais, de prestação de serviços e da construção civil
Autorizadas a funcionar desde que observadas as regras de higienização, restrição de capacidade e distanciamento, quando couber.

Comércio
Ficam permitidos os estabelecimentos de rua, de shoppings e centros comerciais de quarta a sexta-feira, das 10h às 17h, exceto os classificados como essenciais, que poderão operar sem restrição de horário.

Serviços
Autorizados a funcionar de segunda a sexta-feira, das 9h às 16h, exceto os classificados como permitidos ou essenciais, que poderão operar sem restrição de horário.

Salões de beleza e barbearias
Poderão abrir as portas com equipes reduzidas, restrição no número de clientes simultâneos, distanciamento mínimo de quatro metros entre os clientes e lotação de recepções e as salas de espera até 25% da capacidade máxima prevista no alvará de funcionamento ou de proteção de prevenção contra incêndio.

Academias
Permitidas de segunda a sexta-feira, inclusive em clubes sociais, shopping centers e centros comerciais. O atendimento ao público deve ser individual, sempre limitado a um aluno a cada 16 metros quadrados, podendo ser acompanhado por um profissional. Em condomínios, vale a regra do uso individualizado ou por moradores da mesma residência.

Imobiliárias
Devem observar normas de distanciamento, lotação máxima de 30% e atendimento individualizado, além de outras condições.

Setor de alimentação
Restaurantes, bares, padarias, lojas de conveniência, lanchonetes e similares poderão funcionar de segunda a sexta-feira, das 11h às 17h, para atendimento ao público. Há restrição ao número de clientes simultâneos e é obrigatório respeitar as regras de higienização. 

O funcionamento nos sistemas de telentrega e "pegue e leve" é permitido sem restrição de horários. Nestes casos, são proibidas a entrada clientes nos estabelecimentos e a formação de filas, mesmo que externas.

Missas e cultos
Estão permitidos quando atendido o limite máximo de 30 pessoas concomitantes, lotação de até 50% da capacidade máxima de ocupação prevista no alvará de proteção e prevenção contra incêndio e distanciamento mínimo de dois metros entre os participantes.

Outras atividades permitidas

  • Lavanderias
  • Gráficas
  • Comércio de adubos e fertilizantes e produtos químicos orgânicos
  • Estacionamentos (sendo vedado o serviço de manobristas)
  • Serviços de manutenção predial e residencial (inclusive de limpeza em domicílios e condomínios)
  • Atividades relacionadas à produção rural
  • Produção e comércio de autopeças
  • Lotéricas
  • Entidades sindicais
  • Serviços de advocacia, de contabilidade e do ramo imobiliário

Atividades não liberadas

É vedado pela prefeitura o uso de salões de festas, salões de jogos, salas de cinema, espaços de recreação em condomínios residenciais ou quaisquer outras áreas de convivência similares.

Confira a íntegra do decreto

embed do decreto:

Receba um boletim diário com o resumo das últimas notícias da covid-19. Para ter acesso ao conteúdo gratuitamente, basta se cadastrar neste link

Quer saber mais sobre o coronavírus? Clique aqui e acompanhe todas as notícias, esclareça dúvidas e confira como se proteger da doença

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros