Cris Silva: "Escovar os dentes desde sempre" - Notícias

Versão mobile

 
 

Lá em Casa07/08/2020 | 09h58Atualizada em 07/08/2020 | 09h58

Cris Silva: "Escovar os dentes desde sempre"

Colunista escreve sobre maternidade e família todas as sextas-feiras

Cris Silva: "Escovar os dentes desde sempre" Agência RBS/Agência RBS
Cris Silva Foto: Agência RBS / Agência RBS

Nesta semana, levamos o Matheus, meu filho de dois anos e meio, para a consulta de rotina na dentista. Ele vai desde que nasceu. Sim, acreditem, é recomendado que o bebê vá ao dentista mesmo quando ainda não tem dente na boca. 

Eu acredito que, quanto mais cedo nós acostumarmos nossos filhos com certas rotinas, melhor. Ir ao dentista é uma delas. Tem gente que não pode nem ouvir falar que já fica em pânico. O Matheus entrou no consultório, mexeu em tudo que podia, sentou na cadeira e abriu o bocão para a Tia Cacá examinar. E aí, vai uma dica: escolham profissionais que tenham muita paixão pela profissão. A Tia Cacá – ou Carmem Lúcia Riccardi, especialista em Ortodontia e Odontopediatria – é assim. Ela conversa, brinca, conta história, ensina e examina. O Teteu fica tão encantado que não quer ir embora. 

Na última vez em que fomos, na hora de dar tchau, ele disse: "Quero ficar". Foi a comprovação de que realmente gosta de ir ao dentista. Aproveitei que nunca tinha falado sobre isso aqui na coluna e trouxe dicas sobre o assunto, com a orientação da Tia Cacá. Veja a seguir. 

Leia outras colunas da Cris Silva

Palavra da especialista

Quando a gente deve começar a cuidar dos dentes das crianças? 

/// O ideal é que a primeira consulta com o odontopediatra seja até o nascimento do primeiro dentinho. Temos mamães que fazem o pré-natal Odontológico (PNO) antes mesmo de o bebê nascer para que receba todas as orientações e saiba os cuidados e o que observar no nascimento do bebê. 

Para que serve a primeira consulta? 

/// Mais do que tratar, que também pode ser necessário, essa primeira consulta é muito importante para orientação dos pais e responsáveis sobre a rotina de higienização, alimentação, cuidados e o que esperar quando os dentinhos começarem a nascer. 

Teteu no dentista
Tia Cacá conquistou TeteuFoto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

Chupeta, quando tirar? Alguma dica para facilitar esse processo? 

/// A chupeta pode ser usada até os dois anos de idade, que é quando temos grandes chances de autocorreção, caso a criança apresente alguma alteração devido ao uso do bico. Porém, devemos ressaltar que esse uso não deve ser exagerado. Devem existir algumas regras para o uso da chupeta: só na hora de dormir, por exemplo. Há alguns truques para fazer com que a criança vá perdendo o interesse pelo uso do bico. Por exemplo: fazer um furinho com agulha na ponta do bico, que faz com que tire o ar dele e diminua o interesse da criança. Mas só não adianta furar e depois comprar um bico novo! 

De quanto em quanto tempo ir ao dentista? 

/// Crianças que são acompanhadas por odontopediatra com frequência, ou seja, se estão com a saúde bucal e com os hábitos de higiene e frequência de alimentação dentro do normal, podem fazer acompanhamento a cada seis meses. 

A partir de que idade começa a fazer a limpeza sozinha? 

/// Até a criança ter motricidade e coordenação para escovar, passar fio dental, higienizar sozinha. O paciente até pode ter essa autonomia a partir dos cinco, seis anos, desde que tenha a supervisão dos pais. Ou seja, é fundamental, depois de os pequenos escovarem os dentes, os pais darem uma revisada. Os dentes de leite têm algumas características próprias, mas ele é muito parecido com o dente permanente. Ou seja, se não cuidar, também tem cárie, também pode ser necessário tratamento de canal, é super importante o uso de fio dental, escovação. Uma das grandes vantagens é que, se o dente de leite tiver algum problema, teremos uma segunda chance de cuidar quando nascer o permanente. Mas isso não quer dizer que não precisamos de cuidados. Criança também tem dor de dente. A partir do nascimento do primeiro dentinho é imprescindível que seja feita a limpeza e a escovação com pasta de dente, preferencialmente, com flúor. 

Teteu no dentista
Ele já sabe escovar os dentinhos mas, nessa idade, ainda precisa da revisão dos paisFoto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

Quantas vezes no dia escovar os dentes?

/// O inimigo número um é o açúcar, que não está só presente em chocolates, como também no leite (fórmula ou materno), em bolachas (doces e salgadas), bolos, balas e salgadinhos, entre outros tantos alimentos. Nas crianças, o ideal é escovar três vezes ao dia. Porém, se ela tem o costume de beliscar algum alimento o dia todo, quanto mais vezes se alimentar, o ideal é que mais vezes escove os dentes.

Pérola

– Mãe, já fiz cocô! – disse Igor.
– Que bom, filho. Agora, lava as mãos – pediu a mãe.
– Por quê? Eu não fiz cocô na mão!
Igor, três anos


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros