Marchezan propõe que reabertura comece por construção e indústria, além de fechamento das atividades a cada 15 dias - Notícias

Versão mobile

 
 

Reunião com empresários04/08/2020 | 10h59Atualizada em 04/08/2020 | 10h59

Marchezan propõe que reabertura comece por construção e indústria, além de fechamento das atividades a cada 15 dias

Cada período de restrição mais severa duraria uma semana

Marchezan propõe que reabertura comece por construção e indústria, além de fechamento das atividades a cada 15 dias Anselmo Cunha/PMPA / Divulgação
Foto: Anselmo Cunha / PMPA / Divulgação

Em reunião com representantes dos setores de indústria, serviços e varejo nesta segunda-feira (3), o prefeito de Porto Alegre, Nelson Marchezan, apresentou uma proposta de retomada das atividades. A ideia é definir calendário com a volta inicial por construção civil e indústria, setores com menor impacto direto na circulação de pessoas.

Depois, outras atividades poderiam reabrir de forma escalonada a cada semana. Ainda segundo a proposta do Executivo, a cada 15 dias de liberações de setores da economia, haveria uma semana com todas as atividades fechadas.

Essa semana parada serviria para evitar o aumento de contaminação e um novo fechamento no futuro. Os empresários iniciaram no final da tarde uma nova reunião para avaliar a proposição da administração municipal.

Conforme Marchezan, é preciso definir ainda um critério mais detalhado para a graduação, que seria baseado na circulação de pessoas e no grau de contaminação que as atividades geram. O prefeito propôs também uma campanha:

— Como um discurso coletivo. Para a gente conscientizar as pessoas sem entrar em questões ideológicas, partidárias, eleitorais, pessoais. Mas com o mínimo de consenso para a gente comunicar em bloco e a sociedade andar unida, uma partezinha pelo menos.

Marchezan pediu que os empresários ajudem a viabilizar locais que possam fazer a testagem da população. A ideia é que sejam montados espaços, como barracas, em que as pessoas que apresentam sintomas possam ser atendidas por profissionais da saúde e fazer exame, se for preciso.

— Neste ponto, a testagem de pessoas com coronavírus, para que elas se isolem, é muito importante para a gente suspender a circulação da doença e trabalhar com a liberação das atividades.

O prefeito também sugeriu que seja definida a possibilidade de restringir de forma "significativa" os horários para o funcionamento de algumas atividades:

— Restringir uma hora antes ou uma hora depois não é significativo do ponto de vista de circulação. Interessa para as empresas de transporte coletivo, mas não interessa para o todo. Então, se for proposto por nós, seria algo realmente impactante, por exemplo, comércio de manhã, serviços à tarde. É uma hipótese.

Conforme a prefeitura, há previsão de nova reunião entre o prefeito e o grupo na terça-feira (4).

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros