Magali Moraes: a criança em nós - Notícias

Versão mobile

 
 

Coluna da Maga12/10/2020 | 09h00Atualizada em 12/10/2020 | 09h00

Magali Moraes: a criança em nós

Colunista escreve às segundas, quartas e sextas-feiras no Diário Gaúcho

Magali Moraes: a criança em nós Fernando Gomes/Agencia RBS
Magali Moraes Foto: Fernando Gomes / Agencia RBS

Sabia que a gente pode ser criança em qualquer idade? Esquece a data que consta na certidão de nascimento. Apenas observa os pequenos ao seu redor e reaprende com eles a levar a vida com mais leveza. Já reparou como a criançada acha graça em tudo? Não é um risinho qualquer. As gargalhadas surgem inesperadas. Contagiam mais que bocejo. Duram como soluço. Lembro até hoje os acessos de riso que eu tinha com meus primos nos verões do Imbé. Até poça de chuva nos divertia.

A gente cresce e complica tudo. Mas ser adulto não precisa ser triste. É só equilibrar melhor as responsabilidades com momentos de alegria. Criança é hedonista: prefere tudo aquilo que dá prazer. Pede sorvete em vez de comida. Quer brincar só mais um pouquinho. Reluta em dormir pra curtir cada segundo do dia. Deve se divertir sonhando. Tem a mistura perfeita de inocência com esperteza. Consegue fazer as melhores perguntas. Do que se alimenta a curiosidade insaciável de uma criança? 

Leia outras colunas da Maga 

Papelão

Outra coisa pra se inspirar nelas é a imaginação. Caixa de papelão é castelo, carro, avião. Lençol e mesa viram cabana. Bonecos de plástico ganham vida e voz. Degraus da escada não levam só pro andar de cima: escondem mistérios e segredos. Parece que as crianças usam algum tipo especial de óculos pra enxergar tanta fantasia no banal. Por que perdemos essa capacidade? Adultos podem exercitar menos o abdômen e as coxas, muito mais a imaginação. Tenta aí que eu tento aqui.

Criança é autêntica e não tem filtro. Diz o que pensa na cara. Enquanto isso, a gente se esconde por trás dos filtros do Instagram e quase não se reconhece. Criança nunca pensa "o que vão pensar de mim?". Nós, adultos, ficamos cada vez mais reprimidos, chatos, constrangidos, frustrados. Aproveite que hoje pode tudo. É Dia das Crianças! Bora se reconectar com seu lado infantil. Vai ver a criança dentro de você tá brincando de esconde-esconde. Tire o dia pra sonhar e gargalhar. Bom feriado!


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros