Magali Moraes e a salada de frutas - Notícias

Versão mobile

 
 

Coluna da Maga16/10/2020 | 09h00Atualizada em 16/10/2020 | 09h00

Magali Moraes e a salada de frutas

Colunista escreve às segundas, quartas e sextas-feiras no Diário Gaúcho

Magali Moraes e a salada de frutas Fernando Gomes/Agencia RBS
Magali Moraes Foto: Fernando Gomes / Agencia RBS

Que fim levou essa delícia? As pessoas ainda comem salada de frutas? Sempre foi a opção mais saudável nas sorveterias. E você sabe, a culpa pesa mais que o potão na balança do bufê de sorvete. Comer salada de frutas só se for aquela famosa do Mercado Público? Feita pela mãe ou vó? Nunca concordei com esse nome. Chamar de salada pode afastar muita gente que torce o nariz pra qualquer espécie de verdura. Boa de garfo que sou, eu gosto até de fruta picada em cima de alface e rúcula.

Lembrei agora do trabalhão que é picar bem os ingredientes da salada de frutas. Nas basiconas, tem laranja, maçã e banana. Apesar do sabor, fica tudo com a mesma cor. É mamão ou melão? Hummmm, parece pera. O pêssego, a gente descobre na boca. O abacaxi, se cortar maior. O suco que vai junto embaralha a vista. Mas quando entram em cena o kiwi de polpa verde e o moranguinho, todo mundo vê de longe. Dá aquele colorido. Aí é salada de frutas pra impressionar as visitas.

Leia outras colunas da Maga 

Chato

Serve logo, antes que a maçã escureça lá dentro. Ou o melão desmanche de tão maduro. E algum chato implique com a banana. Se a laranja tá amarga, vale colocar açúcar e não contar pra ninguém? E quando o caldinho é suco de pacote? Não tô aqui pra julgar. É que, no imaginário coletivo, salada de frutas leva suco natural. O espremedor sumiu? Idem as ofertas de laranja? Usa o suco de caixa menos artificial que encontrar. O que importa é a intenção. Se as frutas não reclamarem, tá de boas.

Preguiça só de pensar em pegar a faca e picar? Capaz! É moleza pra quem vive descascando abacaxis do trabalho. Comer fruta não tem hora certa. Pensei nesse assunto ao preparar um pratão saudável pra comer no lanche da tarde. O kiwi me olhou, eu olhei pra ele. Daí a maçã e a banana praticamente pediram pra entrar na festa. E aglomerou geral com a granola. Na próxima vez, vou fazer salada de frutas. Ela mexeu com as minhas memórias afetivas. Tá, mexeu com as lombrigas também. 


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros