Com 108.180 raios, RS foi o Estado brasileiro com o maior número de descargas elétricas na terça-feira - Notícias

Versão mobile

 
 

Céu agitado 25/08/2021 | 21h52Atualizada em 25/08/2021 | 21h52

Com 108.180 raios, RS foi o Estado brasileiro com o maior número de descargas elétricas na terça-feira

Santana do Livramento e São Borja, na Fronteira Oeste, foram as cidades que lideraram as ocorrências no Estado

Em mais um dia de chuvarada e tempestades, o Rio Grande do Sul foi tomado por raios, sendo, inclusive, o Estado brasileiro que mais registrou descargas elétricas na terça-feira (24). Segundo o Mapeador Geoestacionário de Relâmpagos (GLM, em inglês), órgão ligado à Nasa, ao todo, foram 108.180 raios, uma média de 4.507 por hora.

A título de comparação, a segunda unidade federativa a registrar o maior número de descargas elétricas foi o Pará, com 50.147. Ou seja, a localidade não alcançou nem a metade da quantidade de raios do que foi vista no território gaúcho.  

Leia outras notícias do Diário Gaúcho   

O GLM aponta que os municípios que mais registraram descargas elétricas foram os da Fronteira Oeste. Em Santana do Livramento, foram 4.525 raios e em São Borja, foram 4.336 raios. Já em Porto Alegre foram 374 descargas elétricas, ontem.

Segundo a Somar Meteorologista, atuam sobre o Estado uma frente fria e um ciclone extra tropical, que foram condições para temporal nas próximas horas.

— Ainda nesta quarta teremos grandes volumes de chuva na Fronteira Oeste, Campanha, Sul, área Central, Missões e Região Metropolitana. Além disso, rajadas de vento, na casa dos 60 km/h, poderão ser registradas em todo o Estado — alerta a meteorologista Fabiene Casamento.


 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros