Protesto de rodoviários complica o trânsito na área central de Porto Alegre - Notícias

Versão mobile

 
 

Transporte público12/08/2021 | 09h19Atualizada em 12/08/2021 | 09h20

Protesto de rodoviários complica o trânsito na área central de Porto Alegre

Manifestação é contra o projeto de privatização da Carris, proposto pela prefeitura

Protesto de rodoviários complica o trânsito na área central de Porto Alegre Ronaldo Bernardi / Agencia RBS/Agencia RBS
Manifestação percorreu vias da área central Foto: Ronaldo Bernardi / Agencia RBS / Agencia RBS

A manhã desta quinta-feira (12) é de protestos de trabalhadores do transporte coletivo nas ruas da área central de Porto Alegre. A manifestação é contra o projeto de desestatização da Carris, proposto pela prefeitura e que pode levar à privatização da empresa.

O Sindicato dos Trabalhadores Rodoviários alega que a proposta coloca em risco o emprego de mais de 2 mil pessoas. Por isso, os funcionários optaram pela manifestação:

— Não temos como ir para a frente de uma fábrica, temos que ir onde o trabalhador está, e é ali que vamos manifestar nossa indignação contra esse projeto, que tem muitas pontas soltas. Está para vir o desemprego do cobrador e dos trabalhadores — afirma o presidente do sindicato, Sandro Abbade.

Os rodoviários se dividiram em três grupos, seguindo por vias que levam à região central: João Pessoa, Osvaldo Aranha e Farrapos. Depois, eles se reuniram no Túnel da Conceição, no sentido bairro-Centro, para seguir até a prefeitura.

Por volta das 8h, os rodoviários caminhavam em frente aos ônibus, dentro dos corredores, forçando os coletivos a diminuírem a velocidade. A Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) e a Brigada Militar acompanham o ato.

Há lentidão em diversas ruas da região, como Osvaldo Aranha e João Pesoa.

Impactos na Zona Norte

Desde as 7h45min, um dos grupos ocupou o corredor de ônibus da Avenida Farrapos, na zona norte da Capital, fazendo com que os coletivos circulassem com lentidão atrás dos manifestantes. Às 8h, havia 15 sindicalistas na passeata e uma fila com dezenas de veículos.

Alguns ônibus desviavam para a faixa dos automóveis de passeio, o que afetou também o fluxo para carros. Parte dos passageiros desistiu da viagem.

— Tenho uma consulta agora no hospital, como vou chegar lá? Eles têm o direito de protesto, mas como fica o meu direito? — reclamou Valdelina Cardoso, 60 anos.

Depois de uma hora de protesto, as calçadas ficaram tomadas por pessoas que desceram dos ônibus e seguiam a pé ao Centro. Às 8h40min, um coletivo tentou furar o bloqueio e houve troca de ofensas.

— Preciso trabalhar também — gritou uma passageira pela janela.

***EM BAIXA***PORTO ALEGRE, RS, BRASIL,  12/08/2021- Rodoviários protestam e bloqueiam vias contra desestatização da Carris. Foto:  Ronaldo Bernardi / Agencia RBS<!-- NICAID(14860494) -->
Grupo caminha em meio ao corredor de ônibus durante protestoFoto: Ronaldo Bernardi / Agencia RBS


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros