Amanda Souza: "Dizer 'não' é uma arte" - Notícias

Versão mobile

 
 

Direto da Redação20/10/2021 | 11h44Atualizada em 20/10/2021 | 11h44

Amanda Souza: "Dizer 'não' é uma arte"

Jornalistas do Diário Gaúcho opinam sobre temas do cotidiano

Amanda Souza: "Dizer 'não' é uma arte" Agência RBS / Agência RBS/Agência RBS
Direto da Redação Foto: Agência RBS / Agência RBS / Agência RBS

Dizer “sim” a tudo e a todos que estão envolvidos em sua vida talvez passe a impressão de que você é alguém generoso e dinâmico. O problema é que isso, aos poucos, acaba sobrecarregando mental e fisicamente qualquer um e, em vez de se traduzir em algo positivo, pode causa decepções que afetarão suas relações profissionais e pessoais. 

Aprender a dizer a palavrinha mágica “ não” é libertador. O norte-americano Bruce Tulgan, autor de livros como A Arte de se Tornar Indispensável no Trabalho, vai além e afirma que “a única maneira de ter sucesso é aprender a dizer 'não’, pois faz com que todos se sintam respeitados”. Profissionalmente, acho um desafio complexo, já que o ritmo da rotina da maioria das pessoas costuma ser frenético. 

Confira outras colunas Direto da Redação

Como fazer isso?

Como fazer isso sem magoar alguém ou comprometer sua imagem no trabalho? O importante é recusar sem gerar uma imagem negativa de si. Em primeiro lugar, sempre preste atenção ao que a outra pessoa vai solicitar: isso demonstra respeito por ela e pelo pedido. Dessa forma, se não estiver ao seu alcance atendê-la, será mais fácil dizer “não” ao estar ciente das reais necessidades dela. 

Na sequência desse raciocínio, a chave para empregar corretamente o “não” está na maneira como você responde. E, ao dizer “não”, é importante oferecer alternativas. Para justificar uma resposta negativa, você deve explicar o porquê. Normalmente é por já estar fazendo outras coisas ou, simplesmente, não se sentir capacitado para atender aquele pedido. Nesse caso, é bom ser explícito e detalhar suas outras obrigações ou limitações.

No entanto, mesmo que você não possa ajudar alguém que buscou o seu auxílio, é gentil perguntar como a questão foi resolvida. Dizer “não” para alguém não significa descaso ou má vontade: muitas vezes, é muito mais honesto assumir o que não é possível fazer do que gerar frustração ao se comprometer com algo que não se está apto para solucionar. 


 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros