Municípios do RS receberão nesta quarta novo lote de vacinas da Pfizer para aplicação da segunda dose - Notícias

Versão mobile

 
 

Imunização contra a covid-1913/10/2021 | 09h08Atualizada em 13/10/2021 | 09h08

Municípios do RS receberão nesta quarta novo lote de vacinas da Pfizer para aplicação da segunda dose

Ao todo, Secretaria Estadual da Saúde distribuirá 236 mil doses do imunizante

Municípios do RS receberão nesta quarta novo lote de vacinas da Pfizer para aplicação da segunda dose Antonio Valiente / Agencia RBS/Agencia RBS
Foto: Antonio Valiente / Agencia RBS / Agencia RBS
Homero Pivotto Jr.

O Rio Grande do Sul recebeu do Ministério da Saúde mais um lote de vacinas da Pfizer contra a covid-19 nesta segunda-feira (11). O carregamento entregue à Secretaria Estadual da Saúde (SES) tem 133 mil doses e chegou a Porto Alegre no início da tarde. A distribuição, segundo o governo do Estado, será feita na quarta-feira (13). A carga soma-se ao estoque da SES, totalizando 236 mil doses de Pfizer que serão repassadas a cidades gaúchas para uso na segunda dose de adolescentes de 12 a 17 anos e adultos.

Os imunizantes foram levados para a Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos (Ceadi), na Capital. No local, são separados em novos lotes que serão enviados a cada uma das 18 coordenadorias regionais e para a Secretaria de Saúde de Porto Alegre. A programação prevê que as entregas serão por via terrestre, com saídas pela manhã em direção ao interior do Estado.

De acordo com a SES, municípios solicitaram doses extras para primeira dose de adultos (acima de 18 anos). Assim, 50 cidades gaúchas receberão 5,4 mil doses de CoronaVac/Butantan para atender esse público.

O Rio Grande do Sul soma 93% da sua população adulta e 50% dos adolescentes de 12 a 17 anos com pelo menos uma dose. Mais da metade da população do Estado já completou o esquema vacinal  (duas doses ou dose única). Também estão sendo aplicadas doses de reforço em idosos e profissionais da saúde, que devem receber mais uma dose seis meses após a segunda, e para os imunodeprimidos (28 dias após a segunda). 

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros