Pedalinho da Redenção volta a funcionar nesta sexta-feira - Notícias

Versão mobile

 
 

Novidade25/10/2021 | 21h55Atualizada em 25/10/2021 | 21h55

Pedalinho da Redenção volta a funcionar nesta sexta-feira

Novas embarcações chegaram nesta segunda-feira (25) ao espaço

Pedalinho da Redenção volta a funcionar nesta sexta-feira Mateus Bruxel / Agencia RBS/Agencia RBS
Ao todo, serão 36 embarcações construídas em fibra de vidro Foto: Mateus Bruxel / Agencia RBS / Agencia RBS
GZH
GZH

A volta dos pedalinhos da Redenção, em Porto Alegre, já tem data marcada: a partir desta sexta-feira (29), os visitantes do parque poderão desfrutar da nova atração do local. As embarcações que serão utilizadas no lago chegaram nesta segunda-feira (25) ao espaço. 

Leia outras notícias do Diário Gaúcho   

Ao todo, serão 36 pedalinhos construídos em fibra de vidro. A empresa Sólidos Equipamentos Infantis, vencedora da licitação para operar o serviço e já permissionária do Parquinho da Redenção, ajusta agora os últimos detalhes nas obras para a abertura.  

O ingresso para o pedalinho simples custará R$ 30 para duas pessoas, com direito a 20 minutos de passeio; optando pelo cisne, o ingresso sairá por R$ 40. Em breve, haverá também a opção de "pedalão" (para quatro pessoas), pelo valor de R$ 50. O embarcadouro estará localizado onde antes funcionava o Café do Lago.

De acordo com Isabel Cristina Ferraz Sokolnik, sócia da empresa Sólidos, a receptividade do público em meio às obras para a retomada da tradicional atração tem sido positiva.

— Temos recebido muitos elogios, e também há muito interesse do público adulto, o pessoal parece bem na expectativa. Está tudo novinho, construímos um píer com madeira tratada, fizemos um bom investimento — relata Isabel. — Não sabemos ainda quantas pessoas vamos atender, mas acho que o movimento vai ser bom. A expectativa é bem boa.

Além dos pedalinhos, duas novas atrações estarão disponíveis em breve no Parque Farroupilha: o trenzinho, cuja operação também será retomada pela empresa, e um complexo gastronômico, que funcionará na área do antigo orquidário, entre o espelho d'água e o lago. A Sólidos deve pagar uma outorga de R$ 15,2 mil relativa aos pedalinhos e ao trenzinho, e a Ioiô Casa de Festas Infantis vai desembolar R$ 20 mil para operar o espaço gastronômico.  

De acordo com a prefeitura de Porto Alegre, os pedalinhos funcionaram de 2004 até 2019. Em 2018, o contrato venceu. Houve tentativas de acordo entre o Executivo e a empresa que operava o serviço, mas não evoluíram, e os barcos foram retirados do lago em 2019. 

Serviço do pedalinho da Redenção

/// Valores: pedalinho - R$ 30 para duas pessoas; cisne - R$ 40 para duas pessoas; "pedalão" - RS 50 (ainda não disponível).
/// Horário de funcionamento: das 9h às 19h, sem fechar ao meio-dia, todos os dias.

Produção: Fernanda Polo

Leia outras notícias do Diário Gaúcho   

 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros