Cris Silva: "Voltar atrás para ficar perto" - Notícias

Versão mobile

 
 

Posso Entrar?26/11/2021 | 15h27Atualizada em 26/11/2021 | 15h27

Cris Silva: "Voltar atrás para ficar perto"

Colunista traz histórias inspiradoras de vida e trabalho todas as sextas-feiras

Cris Silva: "Voltar atrás para ficar perto" Agência RBS/Agência RBS
Cris Silva Foto: Agência RBS / Agência RBS

Quem nunca voltou atrás de um plano? Tudo certo, né? A história de hoje é da Liz, moradora da zona sul de Porto Alegre que já foi coordenadora administrativa, proprietária de pousada, e, agora, depois de abandonar a vida perto do mar, realiza o sonho de empreender perto da família, Com vocês, Lizan Barth Machado, 38 anos, proprietária da Kanaloa Art Decor.

Quem nunca voltou atrás de um plano que atire a primeira pedra! Tudo certo, né? Pensar melhor ou até não dar o próximo passo faz parte de todo o processo de transição ou de indecisão. A história de hoje é da Liz, moradora da zona sul de Porto Alegre que já foi coordenadora administrativa, proprietária de pousada, e, agora, depois de abandonar a vida perto do mar de Santa Catarina, realiza o sonho de empreender com o privilégio de estar perto da família, Com vocês, Lizan Barth Machado, 38 anos, proprietária da Kanaloa Art Decor .<!-- NICAID(14950555) -->
Liz e seu trabalhoFoto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

Leia outras colunas da Cris Silva

FOI ASSIM

“Trabalho desde os 17 anos. Me formei em Administração. Em 2015, após oito anos como coordenadora administrativa, decidi buscar o que me faria feliz. Sempre amei lidar com pessoas e estar na natureza. Após muita conversa, eu e meu namorado nos mudamos, em 2016, para a Praia do Rosa (SC), onde construímos uma pequena pousada.” 

LOUCURA

“Muitos acharam uma loucura, pois nos conhecíamos havia três meses. Como o dinheiro estava contadinho para a obra, surgiu a ideia de fazer a decoração.”

EU COMECEI

“Queria trazer aconchego e que o local tivesse uma decoração única. Eu tinha uma certa habilidade, pois, como hobby, fazia lembranças para amigas, coisas simples. Então, precisei ir atrás de conhecimento e, aos poucos, fui criando minhas peças e decorando a pousada toda! Desde as luminárias até as placas de jardim.”

Quem nunca voltou atrás de um plano que atire a primeira pedra! Tudo certo, né? Pensar melhor ou até não dar o próximo passo faz parte de todo o processo de transição ou de indecisão. A história de hoje é da Liz, moradora da zona sul de Porto Alegre que já foi coordenadora administrativa, proprietária de pousada, e, agora, depois de abandonar a vida perto do mar de Santa Catarina, realiza o sonho de empreender com o privilégio de estar perto da família, Com vocês, Lizan Barth Machado, 38 anos, proprietária da Kanaloa Art Decor .<!-- NICAID(14950556) -->
AconchegoFoto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

VIROU NEGÓCIO

“Aos poucos, minhas peças ganharam espaço e elogios. Os hóspedes perguntavam o valor, querendo levar uma lembrança. Assim, surgiu a ideia de criar um segundo negócio. Em 2017, deixou de ser hobby e virei artesã. Comecei a criar peças para decoração de interiores e jardim.”

AS MUDANÇAS

“Com a chegada do nosso filho, Davi, em agosto de 2019, nossas vidas mudaram muito. Quando fomos para o Rosa, em 2016, éramos só nós dois, o casal. E, quando veio a pandemia, nos vimos enclausurados e com um bebê pequeno! Pais de primeira viagem, sem rede de apoio. Foram meses difíceis.”

VOLTAMOS

“Aprendemos muito. Foi uma lição de vida que nos fez revermos muitas coisas. Ter uma vida leve em meio à natureza é bom, mas acabar privando nosso filho de construir lindas memórias com os avós, quase que diariamente, é certo?”

(RE)COMEÇO DO ZERO

“A decisão de voltar a Porto Alegre pesou muito no sentido profissional, é quase que começar do zero para mim, uma nova profissão, a de artesã. Sei que muitos desafios me esperam, mas estou pronta para encarar e trabalhar.”

Quem nunca voltou atrás de um plano que atire a primeira pedra! Tudo certo, né? Pensar melhor ou até não dar o próximo passo faz parte de todo o processo de transição ou de indecisão. A história de hoje é da Liz, moradora da zona sul de Porto Alegre que já foi coordenadora administrativa, proprietária de pousada, e, agora, depois de abandonar a vida perto do mar de Santa Catarina, realiza o sonho de empreender com o privilégio de estar perto da família, Com vocês, Lizan Barth Machado, 38 anos, proprietária da Kanaloa Art Decor .<!-- NICAID(14950554) -->
Uma nova-velha vidaFoto: Arquivo Pessoal / Arquivo Pessoal

Recado da Cris

“Mudar nem sempre é ruim. Às vezes, é uma forma de seguir adiante”.


 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
Imprimir
clicRBS
Nova busca - outros