Face shield, painel de acrílico e cabine de vidro: como ocorre o reencontro presencial entre as crianças e o Papai Noel - Notícias

Versão mobile

 
 

Menos restrições 25/11/2021 | 09h59Atualizada em 25/11/2021 | 10h02

Face shield, painel de acrílico e cabine de vidro: como ocorre o reencontro presencial entre as crianças e o Papai Noel

Shoppings da Capital e da Região Metropolitana definiram diferentes medidas de segurança para que os pequenos possam visitar o Bom Velhinho

Face shield, painel de acrílico e cabine de vidro: como ocorre o reencontro presencial entre as crianças e o Papai Noel André Ávila / Agencia RBS/Agencia RBS
Foto: André Ávila / Agencia RBS / Agencia RBS

Aos três anos, Mariana Bernardes dividia sua atenção entre as bolas vermelhas da árvore de Natal e o Papai Noel, com quem conversava empolgada, apesar da cabine de vidro que os separava. Sentada na frente de um microfone, a pequena conseguiu pedir ao Bom Velhinho o presente que deseja neste ano: uma boneca.  

O reencontro de Mariana com o Noel ocorreu na tarde de terça-feira (23), no BarraShoppingSul, zona sul de Porto Alegre. A cabine de vidro foi a alternativa encontrada pelo empreendimento para voltar a promover visitas presenciais, que não ocorreram em 2020, devido à pandemia de covid-19. Para Andreza Borges, mãe da criança, os cuidados necessários não impedem que se mantenha o espírito natalino. 

— Mesmo assim, dá para aproveitar o encontro. Minha filha estava pedindo para ver o Papai Noel a semana inteira. Ano passado, não deu para trazer e ela ficou meio chateada, mas, este ano, com a retomada, ela ficou bem faceira, toda empolgada, desde que era bebê ela se encanta com as coisas do Natal — conta. 

A proximidade através do vidro é vista como um ganho  para Felipe Regner Pchara, 64 anos, que assume a faceta do Noel há 15. Segundo ele, os encontros virtuais promovidos no ano passado eram muito frios, pois não permitiam um contato maior com a criança. Agora, a esperança de Pchara é que, em 2022, já possa ter os pequenos sentados ao seu lado, para dar mais carinho e atenção. 

— Acho que as medidas não atrapalham em nada, porque o espírito natalino está dentro do coração, tanto do Papai Noel quanto das crianças e dos adultos — opina, relatando que os pequenos continuam pedindo presentes comuns, como bonecas e carrinhos, mas agora com mais ênfase, porque sabem que, neste ano, o Bom Velhinho irá na casa deles.  

 Kelly Thomaz, 33 anos, também levou a filha, Rafaela Thomaz, de três, para ver o Bom Velhinho no Barra. Ela considera uma boa iniciativa o retorno presencial, já que as crianças ficaram muito tempo “excluídas de tudo”. No entanto, acha que medidas como a parede de vidro acabam atrapalhando um pouco a magia do Natal, pois as crianças não entendem direito o que significa a restrição.  

Tradição de família

O Papai Noel do Shopping Iguatemi, Nerci Kern, 61 anos, afirma que a retomada está sendo muito boa e tranquila, porque todos os visitantes entendem e respeitam as medidas de segurança, como o uso obrigatório de máscara para as crianças e o Bom Velhinho — que também utiliza uma face shield. Ele concorda que os protocolos não afetam a magia do Natal e que essa alternativa é bem melhor do que as interações online: 

— De máscara ou não, o brilho nos olhos a gente consegue ver. 

Uma das visitantes de Kern na terça foi Maitê Ramos, de apenas quatro meses. Os pais da menina, Caroline Santos e Gustavo Ramos, ambos de 20 anos, ressaltam que esse é o primeiro Natal dela e que pretendem levá-la para tirar fotos com o Noel todos os anos. Eles contam que, quando eram crianças, sempre visitavam o Bom Velhinho e, por isso, querem manter essa tradição com a filha. 

Marili Meurer, 46 anos, aproveitou o retorno dos encontros para levar a afilhada, Livia Meurer, cinco, ao Iguatemi. Ela também considera importante manter vivo o espírito natalino, que vai passando de pais para filhos, principalmente após um ano em que as pessoas tiveram que viver o Natal dentro de casa, somente com a família. 

— O reencontro é válido com certeza, porque acho importante manter esse espírito, é isso que importa, e não é aparência. Desde que nos lembramos, o Papai Noel tem sempre aquela mesma roupa, mas, este ano, ele teve que se reinventar, se adequar ao que todo mundo está fazendo (usar máscara) — brinca Marili. 

No Shopping Praia de Belas, os visitantes também são compreensivos e aceitam as adaptações impostas pela realidade atual, relata Pokorski, 64 anos, que atua desde 2003 como Papai Noel. Entretanto, sinaliza que algumas crianças já choraram por não poder chegar perto do Bom Velhinho, já que ele fica atrás de um painel de acrílico, que ajuda na manutenção do distanciamento.

— Não está sendo bem do jeito que gostaríamos que fosse, em função da pandemia, mas está bem melhor do que no ano passado. Ainda não existe o contato físico, mas já existe, pelo menos, um contato visual com as crianças, isso ajuda bastante — diz Pokorski, contando ainda que, em 2020, as crianças pediam muito pela vacina e, agora, já voltaram a pedir coisas comuns, como em anos anteriores.

Apesar dos eventuais choros, a alegria predomina entre os pequenos que podem voltar a conversar com o Bom Velhinho. Tamanha empolgação com o momento fez com que Rafaela Beatriz Franz, sete anos, corresse pelos corredores do Praia de Belas, deixando para trás a mãe, Lisiane Franz, 40.

Moradoras de Horizontina, no interior do Rio Grande do Sul, as duas estavam na Capital a passeio. Lisiane conta que, em sua cidade natal, são raros os momentos em que a filha consegue ver o Papai Noel e conversar com ele, por isso, Rafaela sempre passa dias falando sobre o encontro. Assim, a mãe avalia que a retomada é essencial, mesmo com todos os cuidados necessários:

— Acho que não atrapalha, porque é a maneira que se tem hoje para vivenciar isso, mesmo que um pouco diferente. Mas dá para ver a alegria dela (Rafaela), não tirou o encantamento.

Confira, abaixo, como visitar o Papai Noel nos shoppings de Porto Alegre e da Região Metropolitana:

BarraShoppingSul

Avenida Diário de Notícias, 300, bairro Cristal 
As visitas presenciais com o Papai Noel devem ser agendadas por meio do site do BarraShoppingSul. As sessões são fechadas e o bom velhinho interage com o público protegido por uma parede de vidro. Os encontros ocorrem em um lounge natalino que está montado no Nível Guaíba. As visitas acontecem de segunda a sábado, das 10h às 22h; e aos domingos e feriados, das 14h às 20h.

Iguatemi

Avenida João Wallig, 1.800, bairro Jardim Europa
Neste ano, o anfitrião da festa também está de volta ao Iguatemi. Equipado com máscara, face shield e álcool gel, o Papai Noel volta a receber o público diretamente da Praça Érico Verissimo. Anteriormente, o Bom Velhinho tinha uma poltrona dupla, para as pessoas tirarem foto sentadas ao lado dele. Agora, há uma poltrona separada ao lado da dele, mantendo o distanciamento. As visitas presenciais ocorrem todos os dias, das 10h às 22h (com intervalos das 13h45min às 14h30min e das 19h45min às 20h30min).

Como legado de 2020, também estão disponíveis os encontros com o Papai Noel pelo WhatsApp. Nesta modalidade, ele faz atendimentos por vídeo, sob agendamento prévio. Há ainda a opção de pedir que o Papai Noel grave um cartão em formato de vídeo para um amigo ou familiar. Os agendamentos iniciaram na segunda-feira (22), pelo número (51) 99107-0540, e as ligações e vídeo-chamadas ocorrem entre os dias 1º e 24 de dezembro.

Praia de Belas 

Avenida Praia de Belas, 1.181, bairro Praia de Belas 
No 3º piso do shopping, o Bom Velhinho recebe presencialmente o público e as tradicionais cartinhas com os pedidos de presente. Para manter os cuidados que a pandemia exige, um painel de acrílico separa o Papai Noel das crianças — a conversa é possível graças a um microfone instalado no local. 

Os encontros também devem ocorrer com horário marcado, por meio deste site, para evitar filas e aglomerações. Até 30 de novembro, o Bom Velhinho atende do meio-dia às 20h. De 1º a 23 de dezembro, a disponibilidade de encontros é das 10h às 22h de segunda-feira a sábado e, aos domingos, das 11h às 22h. Já na véspera do Natal, os atendimentos serão realizados das 9h às 18h.

Park Shopping Canoas

Avenida Farroupilha, 4.545, bairro Mal. Rondon, em Canoas 

Em 2021, há menos restrições nos shoppings no encontro do Papai Noel com as crianças. Tem Bom Velhinho de face shield, com placa de acrílio, com banquinho pra ajudar na foto e não ficar perto das crianças. <!-- NICAID(14948723) -->
Papai Noel do ParkShopping Canoas e crianças precisam utilizar máscara e respeitar o distanciamentoFoto: Wanessa Camargo / ParkShopping Canoas

Neste ano, as visitas ao Bom Velhinho voltam a ser presenciais no Cantinho do Papai Noel, do ParkShopping Canoas. Para evitar aglomerações, as visitas ocorrem mediante agendamento gratuito pelo aplicativo do shopping. Da mesma forma, por uma questão de segurança, o Papai Noel e as crianças fazem uso de máscara, além de respeitarem o distanciamento.

Em novembro, as visitas ocorrem de segunda a sexta-feira, das 14h às 20h; aos sábados, das 10h às 22h; e, aos domingos, das 14h às 20h. No mês de dezembro, até dia 23, as visitas serão sempre das 10h às 22h; e, na véspera de Natal, das 10h às 18h.

Rede Bourbon

Se em 2020, nos shoppings da rede Bourbon, no Porto Alegre CenterLar e no Moinhos Shopping, o Papai Noel recebeu as crianças separado por uma vitrine e conversou com as crianças por um sistema de comunicação equipado com microfone, neste ano, a partir de 1º de dezembro, o Bom Velhinho volta a ter um pouco mais de proximidade com os pequenos, ainda com o cuidado que o momento exige. 

No Moinhos Shopping, o Papai Noel estará recebendo as crianças em uma poltrona que fica sob uma árvore de Natal suspensa com mais de sete metros de altura que flutua sobre o trono, e que está localizada no mall do shopping, no primeiro andar do empreendimento. 

Nos demais shoppings da rede, o Papai Noel permanecerá sentado em sua tradicional poltrona, utilizando máscara e face shield, e as crianças poderão se acomodar em uma grande banqueta a sua frente, posicionada a um metro de distância. Auxiliando no atendimento, uma Noelete estará orientando o público para que a distância segura seja mantida e disponibilizando álcool gel a todos. Após cada atendimento, é feita a higienização do local.

O Bom Velhinho estará recebendo as crianças no Moinhos Shopping, Bourbon Ipiranga, Bourbon Country, Bourbon Assis Brasil, Bourbon Wallig, Porto Alegre CenterLar (em Porto Alegre), Bourbon São Leopoldo, Bourbon Novo Hamburgo e Bourbon Canoas (na Região Metropolitana), e Bourbon San Pellegrino (em Caxias do Sul), a partir do dia 1º de dezembro, das 14h às 20h.

Viva Open Mall

Avenida Dr. Nilo Peçanha, 3.228, bairro Chácara das Pedras
Após se resguardar em 2020, o Papai Noel do Viva Open Mall retorna ao shopping para encontrar os pequenos, em visitas semanais, todas as tardes de sábado. Sem um cenário fixo, o Bom Velhinho circula pelo centro de compras junto da personagem Noelete, recebendo cartas e interagindo com as crianças, com uso de máscara e álcool gel. O Noel visitará o shopping todos os sábados até 18 de dezembro, seguindo o cronograma abaixo:

  • 27/11: das 16h30min às 18h30min
  • 04/12: das 15h30min às 17h30min
  • 11/12: das 14h30min às 16h30min
  • 18/12: das 16h30min às 18h30min
Em 2021, há menos restrições nos shoppings no encontro do Papai Noel com as crianças. Tem Bom Velhinho de face shield, com placa de acrílio, com banquinho pra ajudar na foto e não ficar perto das crianças.<!-- NICAID(14948725) -->
Noelete e Papai Noel do Viva Open MallFoto: Agência Poliedro / Divulgação

João Pessoa

Avenida João Pessoa, 1.831, bairro Farroupilha
No Shopping João Pessoa, também haverá encontros presenciais com o Papai Noel neste ano. Para manter o distanciamento, a decoração conta com duas poltronas, uma para o Bom Velhinho e outra para as crianças e demais visitantes sentarem para conversar e tirar fotos. O Noel, sua ajudante e as crianças deverão usar máscara durante o encontro. O anfitrião do Natal chegará ao shopping em 30 de novembro e fará atendimentos diários, do meio-dia às 20h.

*Colaborou: Isabel Gomes

 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros