Amanda Khal de Souza: "Drible o caos do fim de ano" - Notícias

Versão mobile

 
 

Direto da Redação30/12/2021 | 10h34Atualizada em 30/12/2021 | 10h38

Amanda Khal de Souza: "Drible o caos do fim de ano"

Jornalistas do Diário Gaúcho opinam sobre temas do cotidiano

Amanda Khal de Souza: "Drible o caos do fim de ano" Agência RBS / Agência RBS/Agência RBS
Direto da Redação Foto: Agência RBS / Agência RBS / Agência RBS

O ano está acabando, mas sua saúde mental não precisa terminar junto com ele. É quase inevitável ficar alheio à correria do final de ano: ruas e estabelecimentos cheios, prazos apertados no trabalho, mil confraternizações e, com o avanço da vacinação, o retorno da vida social. De uns tempos para cá, percebi o quanto esse estresse me atingia em cheio e decidi tomar alguns cuidados para lidar com todo esse caos. Resultado: me fez um bem danado! Tanto que vou compartilhar com você, leitor, algumas dicas para desfrutar da paz que merecemos.

Assim que dezembro se avizinha, já ativo o meu sinal de alerta e presto atenção à agitação ao meu redor. Para aliviar essa tensão, tento manter a rotina, como tomar um bom café da manhã e dar uma caminhada no final da tarde ao lado da minha cachorrinha, Olívia, coisas que ajudam a firmar os pés no chão, respirar e não pirar. Além disso, cultivar o bom humor é fundamental, pois contagia as pessoas que estão ao seu lado e dá a elas um motivo real para retribuir sorrisos e gentilezas.

Confira outras colunas Direto da Redação

Planejamento

Sim, eu sei que a época nos inspira a colocar assuntos pendentes em dia. Para evitar o desgaste de nadar contra a corrente, mas sem deixar que a agenda lotada de tarefas tire o sossego, identifique urgências e prioridades e estabeleça metas curtas (de poucos dias) para executá-las, tanto em casa quanto no trabalho. O que não for urgente virá em seguida. Pode ser até que você descubra atividades que não precisa sequer realizar em 2022.

Por fim, o melhor remédio para qualquer estresse é estar ao lado de pessoas queridas, em celebrações que proporcionem momentos leves. Porém, lembre-se de que sua própria companhia é preciosa: então, opte por ficar sozinho em alguns instantes. O silêncio dessas horas trará reflexões essenciais sobre quem você é, gerando autoconhecimento e autocontrole emocional para enfrentar um novo ciclo que se aproxima.


 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros