Em Antônio Prado, garoto de 11 anos lava e perfuma cachorros de rua para facilitar adoção - Notícias

Versão mobile

 
 

Banho de amor12/01/2022 | 10h20Atualizada em 12/01/2022 | 10h23

Em Antônio Prado, garoto de 11 anos lava e perfuma cachorros de rua para facilitar adoção

Menino recebe doações de produtos pet de anônimos e de empresas 

Em Antônio Prado, garoto de 11 anos lava e perfuma cachorros de rua para facilitar adoção Marcelo Casagrande / Agencia RBS/Agencia RBS
Thiago Do Val Sidegum, 11 anos, adotou dois cães e um gato de rua e, com a ação, ajudou na adoção de outros cerca de 50 Foto: Marcelo Casagrande / Agencia RBS / Agencia RBS

A sensibilidade de Thiago Do Val Sidegum, 11 anos, surpreendeu não só sua família, mas toda a cidade de Antônio Prado, onde mora, depois que o menino resolveu levar para casa um cachorro de rua para lhe dar banho e facilitar a adoção. Segundo ele "para deixá-lo ainda mais fofo e fazer com que as pessoas se interessassem em adotar". 

O pai, Eduardo Sidegum, 44, confessa que recebeu a ideia com desconfiança, mas logo embarcou no projeto:

— Já tínhamos dois cães e um gato adotados, mas ele quis dar o banho justamente para que outra família fizesse o mesmo que fizemos.  

Intitulado "Sou de rua, mas tô limpinho", a ação se incorporou a um perfil do Instagram até então destinado a chapéus, a outra paixão do garoto, que possui mais de 10 e não os tira da cabeça. Desde janeiro de 2020, o "guri do chapéu", como é conhecido nas ruas de Antônio Prado, já ajudou mais de 50 cães que  viviam ou à própria sorte ou no canil administrado pela Associação Protetora dos Animais do município. A conta na rede social cresceu e a história ganhou o mundo após ser divulgada em um blog chamado Bored Panda, destinado a "artigos leves e inofensivos", que a levou a ser contada em sites da Espanha, Itália e China.   

— Para nós ele é um alento, de uma nova geração que olha pra causa do bem-estar animal de uma forma diferenciada — conta a presidente da Associação, Sírlei Stedile, que foi fundamental para que novos cães chegassem até Thiago. 

Isso porque os animais que perambulavam nas ruas aparentemente foram zerados. Com 13 mil habitantes, Antônio Prado é um município pequeno e não tem em suas ruas a quantidade de animais abandonados que se vê nas grandes cidades, mesmo que no último ano tenham sido entregues 141, entre cães e gatos, para famílias adotantes. Agora, Thiago os recebe, trazidos por Sírlei para o banho que acontece todos os sábados na casa dele.   

Para isso, o menino, que se tornou vegetariano aos nove anos, tem recebido uma importante ajuda da comunidade. Diariamente, doações de lenços de pescoço e produtos pet são deixadas anonimamente no portão da casa da família. Além disso, duas empresas da cidade ajudam com os custos do banho e as colaborações chegaram até de outras partes do Estado para que a boa ação de Thiago faça com que mais cães possam ser tirados das ruas e de lares temporários.

 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros