Grupo Hospitalar Conceição suspende visitas a pacientes a partir da sexta-feira - Notícias

Versão mobile

 
 

Em alerta12/01/2022 | 11h03Atualizada em 12/01/2022 | 11h03

Grupo Hospitalar Conceição suspende visitas a pacientes a partir da sexta-feira

Medida vale para os hospitais Nossa Senhora da Conceição, Criança Conceição, Cristo Redentor e Fêmina, em Porto Alegre

Grupo Hospitalar Conceição suspende visitas a pacientes a partir da sexta-feira Mateus Bruxel / Agencia RBS/Agencia RBS
Foto: Mateus Bruxel / Agencia RBS / Agencia RBS

Será suspensa a entrada de visitantes a pacientes internados nas unidades do Grupo Hospitalar Conceição (GHC), em Porto Alegre, a partir da próxima sexta-feira (14). A medida vale para os hospitais Nossa Senhora da Conceição, Criança Conceição, Cristo Redentor e Fêmina. 

A decisão foi tomada em reunião do Gabinete de Gerenciamento de Crise, realizada nesta terça-feira (11), e tem como objetivo, segundo nota divulgada pela assessoria de imprensa, “prevenir a transmissão da covid-19 em razão do aumento do número de casos na comunidade". Permanece autorizada a entrada de acompanhantes de pacientes internados, conforme previsto em lei, acrescenta o texto.  

Os diagnósticos positivos para coronavírus também vêm crescendo entre os profissionais de saúde do GHC. Na segunda-feira (10), foi reaberta a tenda para atendimento e testagem de funcionários com sintomas respiratórios. Ontem, colaboradores chegaram a aguardar seis horas no local até serem chamados para avaliação.  

Leia mais
Porto Alegre mantém 43 pontos de vacinação contra covid-19 nesta quarta-feira

No ano passado, o GHC interrompeu a circulação de visitantes devido a um surto de coronavírus que durou 40 dias e infectou profissionais e pacientes hospitalizados. Entre agosto e setembro, 33 pacientes morreram. A crise foi provocada pela variante Delta. Agora, a restrição se deve ao avanço da Ômicron

 
 
 
 
 
 
 
Diário Gaúcho
Busca
clicRBS
Nova busca - outros